Ancoradouro

A Globo Respondeu

Quando a novela das seis da Rede Globo estava para ser lançada liguei para  a emissora reclamando por mais um folhetim de orientação espírita na programação.

Assim respondeu-me a Globo, com grifos meus:

“Ressaltamos que  novelas são obras de ficção, sem compromisso com a realidade. A Rede Globo não interfere no trabalho dos autores, nem orienta o conteúdo de suas obras. Como era de se esperar numa sociedade livre e numa empresa com nossa visibilidade, eles têm liberdade de criar e dar rumo aos seus personagens conforme sua vontade.”

Chamou-me a atenção esse sem compromisso com a realidade. Eu questiono. Será  mesmo que a emissora carioca em suas tramas não estabelece compromisso com a realidade? O Fantástico, um programa jornalístico  produz muito de suas matérias baseadas na ‘novela das oito’.

Acredito que se saiba que a ficção influencia na realidade. As novelas emplacam modas, vocébulos novos e, acreditem, mentalidade nova. Então não é assim tão desligada da realidade as obras de ficção. A entrada de mais uma trama espírita quer dizer alguma coisa e fica no ar aquela dúvida, quem veio primeiro, o ovo ou a galinha?

Recomendado para você