Ancoradouro

Zoolatria protestante

3.80.60.248 /ancoradouro/2010/11/05/zoolatria-protestante/
41 Seja o primeiro a comentar

Escultura da formiga que caiu no gosto dos evangélicos

Uma das acusações mais veementes feita contra os católicos pelos protestantes  é a de chamá-los adoradores de imagens. A Bíblia é interpretada ao pé da letra para justificar a denúncia.

Esquecem-se os delatores que em seu meio cresce a zoolatria, ou seria a insetolatria? Explico-me. Um personagem que percorre todas as milhares de denominações evangélicas, a famigerada formiga Smillinguido, um ente idealizado para transmitir mensagens religiosas, recebe a as honras de milhares de crentes.

Não vou generalizar a conduta de nossos co-irmãos na , existem os moderados, mas são poucos, uma minoria. Prevalece a mentalidade de muitos ex-católicos que após súbitas conversões arrogam-se de salvos e não raras vezes assoberbam-se e como juízes cruéis decretam o inferno como destino de todo católico, uma tolice sem igual.

Já ouvi alguém dizer e com razão que prefere ter a imagem de um santo em seu caderno a de uma formiga. Claro, não somos tolos de não compreender o sentido metafórico do tal inseto, a relevância que respalda nossa observação é a do fundamentalismo protestante que se levado a cabo contradiz-se com a existência smilliguística no mundo supra-terreno de algumas denominações.

Vale dizer que a doutrina católica em nenhum momento  estimula a idolatria de imagens, ensina a veneração dos homens e mulheres que consumiram suas vidas por amor a Cristo tornando-se luz do mundo, exemplo a ser seguido. Ter a lembrança dos santos materializada em estampas, esculturas, medalhas em nada tem a ver com o culto de idolatria como acenam os protestantes. Aliás, estes também possuem suas imagens. Vejam algumas.

Homens da reforma, Igreja Protestante na Suiça

Pastores oram diante da imagem de querubins, na ótica protestante pura idolatria

Imagem de Lutero presente na Igreja Luterana na Suiça

 Dito isto, ao sermos acusados  pelos protestantes de idólatras podemos sem sombras de dúvida chamá-los de zoólatras. Pois isto é tão verdade ou mentira quanto aquilo.

Recomendado para você