Ancoradouro

A devassa Sandy

Cantora troca fama de boa moça por devassa, em troca de cachê

Sabe aquele ditado, “vida de artista não é fácil” e pelo visto não é mesmo. Eles fazem tudo para ocupar os holofotes da mídias, não importa em qual “pauta”. Desculpem-me, mas é inevitável não lembrar de um outro clichê ao falar no assunto “falem mal, mas falem de mim”.

Quando estas celebridades estão fora de órbita você escuta uma daquelas manchetes, “fulana de tal foi flagrada com novo namorado”, ou “sicrana foi presa após baderna em casa de show” e aí elas novamente voltam a brilhar.

Uma destas personalidades olimpianas, para usar um termo da teoria da comunicação, é a cantora brasileira Sandy, aquela menininha que todos vimos crescer ao lado de seu irmão junior. Pois bem, a dupla desfez-se, o rapaz perdeu o astro que lhe dava luz e ela, bem…ela também perdera sua própria luz.

Bafafá geral  nas últimas semanas foi a campanha que  a Sandy estrelou para uma marca de cerveja. Ela mudou de visual, desbancou a imagem de meiga criada ao longo dos anos e na coletiva de imprensa para a dita cerveja diz que tem seu lado devassa. A cantora demonstra desgosto por ter criado uma imagem de boazinha em sua carreira.

Muitas foram as críticas e piadas com a cantora. Quanto à campanha, no quesito marketing foi um sucesso, quanto à personalidade escolhida deu para perceber que vale tudo quando muito dinheiro se está em jogo.

Sandy quis rasgar a imagem de menina educada, boa moça e tranquila para ser rotulada de devassa, o nome que leva a cerveja. Não quis para si o título de santinha ou decente, quis mesmo foi ser associada ao título devassa. Como estes cantores levam tão a sério seus trabalhos, como dizem nas entrevistas, ela bem deve ter pesquisado sobre o significado do termo devassa, sinônimo que agora pode ser atribuído à ela, assim como encontrei em um dicionário na web: rapariga ordinária vadia puta

Não sei quanto foi o cachê pela campanha, mas será que a honra vale tão pouco?

Recomendado para você