Ancoradouro

Festa da Misericórdia renova a fé de milhares de pessoas

97 1

O encontro aconteceu no Condomínio Espiritual Uirapuru.

A chuva fina não atrapalhou quem participou da sexta edição da Festa da Misericórdia realizada pela Comunidade Católica Shalom no Condomínio Espiritual Uirapuru neste domingo , dia 15. Munidos de guarda-chuvas e capas os fieis se acomodaram como puderam da precipitação.

Mais de sessenta caravanas, oriundas de diversos municípios do estado, bairros de Fortaleza e região metropolitana marcaram presença no encontro que teve na programação a oração do Terço da Misericórdia, Adoração ao Santíssimo Sacramento, shows com os cantores Ana Gabriela, Davidson Silva, Ministério de Música Shalom e o forrozeiro Naldo José.

Confira fotos da Festa da Misericórdia,aqui.

A Celebração Eucarística foi presidida pelo Pe. Antonio Furtado, grande difusor da devoção à Divina Misericórdia no estado do Ceará. No comentário inicial da Celebração o Fundador da Comunidade Shalom Moysés Azevedo relembrou as palavras do papa Bento XVI neste dia: “É muito importante aquilo que diz o Evangelho de hoje, Jesus nas duas aparições aos Apóstolos repetiu muitas vezes ‘Paz a Vós’ e essa saudação a qual se deseja a Paz, o Shalom, se torna algo novo, significa a paz que só Jesus pode dar”.

Neste ano, Pe. Antonio Furtado expôs para os fieis uma relíquia de santa Faustina, um minúsculo pedaço de seu osso. Foi esta religiosa a quem Jesus apareceu e pediu espalhasse em todo o mundo a devoção à Divina Misericórdia.

Mais sobre a Festa da Misericórdia

A Festa da Divina Misericórdia é uma devoção de origem polonesa, e cuja divulgação se deve a Santa Faustina Kowalska, uma das grandes místicas da Igreja Católica. Em seu Diário, a religiosa relatou ter recebido instruções de Jesus, através de aparições, para que desse a conhecer ao Mundo a Sua Misericórdia. O processo de beatificação desta religiosa se iniciou por iniciativa do, então, Cardeal Arcebispo de Cracóvia, Karol Wojtila, e, posteriormente, foi canonizada pelo mesmo bispo, já enquanto Papa João Paulo II.

Recomendado para você