Ancoradouro

Renascer: música, fé e solidariedade!

Renascer_hemoce_doadorO Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce), participa mais uma vez do Renascer, o evento acontecerá de 10 a 12 de fevereiro, no ginásio Paulo Sarasate. A parceria, existente desde 2003, tem como principal objetivo garantir que o estoque de sangue esteja adequado para atender a qualquer eventualidade no período do carnaval.

No próximo dia 5, terça-feira, às 8h30min, a equipe do Shalom – instituição organizadora do evento – fará o lançamento oficial do evento no auditório do Hemoce, situado à Rua Capitão Francisco Pedro, s/n. Na ocasião será apresentado à imprensa o trabalho que será realizado durante os três dias de evento. Do primeiro ano da parceria, em 2003, até o ano de 2012, foram realizadas 2.106 doações de sangue. Os cadastros de medula óssea começaram a ser realizados em 2008 e desde então, 340 pessoas se registraram como possíveis doadores.

Este ano, o Hemoce espera alcançar 250 doações de sangue e 100 cadastros para doadores de medula óssea durante festival.

Coleta do Hemoce no Renascer

A Unidade Móvel do Hemoce participará dos 3 dias do evento Renascer – 10 a 12 de fevereiro – de 9h às 16h, no Ginásio Paulo Sarasate, em Fortaleza. Não perca esta oportunidade, convide seus amigos e familiares e programe sua doação!

 

Quem pode doar sangue:
– Homens e mulheres de 16 a 67 anos. Jovens de 16 e 17 anos podem doar desde que tenham autorização dos pais ou do responsável legal.
– O doador deve pesar mais de 50 quilos e precisa apresentar documento com foto válido em todo o território nacional, como carteira de identidade ou habilitação de motorista.
Recomendações:Renascer_Hemoce300
– Não doar em jejum
– Dormir por, pelo menos, 6 horas antes da doação
– Não ingerir bebida alcoólica nas 12 horas anteriores à doação
– Evitar fumo e comidas gordurosas

No ato da doação de sangue é possível ainda se cadastrar como doador de medula óssea, bastando apenas estar saudável, ter entre 18 e 55 anos, não ter tido câncer, não apresentar comportamento de risco para doenças sexualmente transmissíveis (DST’s), apresentar um documento de identidade e comprovante de residência. O cadastro será concluído com a assinatura de um termo consentimento e a coleta de uma amostra de 10ml de sangue.

Fonte: Portal do Hemoce

Recomendado para você