Ancoradouro

Manifestantes das ruas pedem efetivo Estado Laico e são contra Estatuto do Nascituro

/ancoradouro/2013/06/27/manifestantes-da-ruas-reivindicam-contra-estatuto-do-nascituro/
162 1

Multidão-em-BrasíliaE o movimento que nasceu aparentemente espontâneo, com o objetivo de reivindicar a diminuição e até isenção das passagens de transportes coletivos, e outras melhorias políticas, começou a tomar novos rumos. Entre as pautas dos grupos que agora passam a ter representantes, escolhidos não se sabe por quem, está uma luta contra o projeto que foi apelidado pejorativamente de “Cura Gay”, o Estatuto do Nascituro, que defende e a vida e a favor do efetivação do estado laico.

O pedido foi formalizado e entregue ao presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves,nesta quarta-feira (26), que prometeu, segundo a Agência Câmara, “analisar todas as demandas”. Marcou para 14 de agosto uma reunião com todos os presentes, para avaliar as respostas dadas pela Câmara.

Ainda durante a efervescência das manifestações uma das representantes do Movimento Passo Livre, Mayara, disse à imprensa que repudiava os protestos a favor da vida, contra o aborto, rotulados por ela de pauta conservadora. O MPL tem relação com partidos de esquerda e com uma agenda materialista e laica.

É importante que os católicos que foram às ruas; muitos, iludidos pelo sonho da mudança radical do país, abram os olhos e tomem conhecimento sobre os desdobramentos destas manifestações que passaram a atentar contra a vida e pretende a corrupção dos valores cristãos em nossa sociedade.

Definitivamente, para o cristão ” a voz do povo não é a voz de Deus“. Aliás, foi a voz do povo  que gritou,em uníssono, “crucifica-o, crucifica-o”. O cristão é chamado a ouvir a “voz que brada no deserto”, aquela que rompe o coro das multidões ensandecidas e perdidas por suas faltas.

Recomendado para você