Ancoradouro

"Sou eu que sigo a Igreja", diz Papa Francisco refutando fama de comunista que lhe querem atribuir

No voo que conduziu o Papa Francisco de Cuba aos Estados Unidos o pontífice respondeu às questões de jornalistas que o indagaram se ele era comunista, alguns chegaram a mencionar uma suposta  fama de “pouco católico”.  Sua santidade, coma mesma tranquilidade e modo peculiar simples de falar respondeu aos periodistas.

Papa Francisco.

Papa Francisco.

” Sobre ser comunista ou não comunista: estou certo de não ter dito nada além do que está na doutrina social da Igreja. Durante um outro voo, uma colega de vocês me perguntou sobre minha colocação diante dos movimentos populares (Bolívia): ‘Mas a Igreja o seguirá?’. Respondi: ‘Sou eu que sigo a Igreja e, em relação a isso, creio que não estou errando […] Se vocês quiserem que eu recite o Credo, eu o recito agora mesmo“, disse o Papa. A informação é de  Mirti Medeiros.

A vaticanista Valentina Alazraki conta que o papa ainda  respondeu questões sobre o embargo a Cuba, os dissidentes e seu encontro com Fidel Castro . Em Washington D.C.  Pe. Federico Lombardi, Porta Voz do Vaticano,  disse  que o Papa Francisco “tem seu próprio modo de falar”, mas sempre o faz no marco da tradição católica.

Fotos:  Valentina Alazraki.

foto  Valentina Alazraki 2 Foto Valentina Alazraki Foto Valentina Alazraki1

 Assista a chegada do Papa Francisco aos Estados Unidos

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=166Bg4X5jvI[/youtube]

Transmissão ao vivo , aqui. 

Recomendado para você