Ancoradouro

Ideologia de gênero] Dep. Carlos Matos pede ao governo retirada de termos polêmicos do Plano Estadual de Educação

802 1

Item polêmico do Plano Estadual de Educação, a ideologia de gênero, conceito que afirma que ninguém nasce homem ou mulher, mas que deve construir a sua própria identidade ao longo da vida, foi tema de discussão ontem na Assembleia Legislativa. Uma audiência pública solicitada pela deputada Dra. Silvana (PMDB) debateu o assunto.

Deputado Carlos Matos

Deputado Carlos Matos

Para o deputado estadual Carlos Matos (PSDB), é preciso retirar todos os termos ambíguos, que geram insegurança do Plano. “Foi um erro abrir uma janela para que Estados e municípios pudessem incluir a ideologia de gênero nos Planos. O parlamento não pode ser omisso e tem o dever e a responsabilidade de proteger as crianças dos dramas das ideologias”.

A formação moral das crianças, na visão do parlamentar, é tarefa dos pais, não das escolas. Carlos Matos salientou ainda que a retirada da ideologia de gênero do Plano Estadual de Educação não implica em intolerância a qualquer grupo. “Não podemos aceitar nenhum tipo de intolerância. Precisamos buscar um consenso em torno do texto”.

Recomendado para você