Ancoradouro

Professor e escritor que mora em Quixadá encontra-se com Bento XVI

“Minha família toda junto do grande, paternal e inesquecível Bento XVI”, foi assim que o professor e escritor Rudy Albino Assunção descreveu seu mais recente encontro com o papa emérito, no Vaticano, em Roma. “Uma segunda vez, ainda mais incrível”, descreve o homem que também é membro da Sociedade Ratzinger do Brasil e organizador da obra “Um Caminho de Fé Antigo e Sempre Novo – Homiliário” ( 2ª Edição – Editora Molokai). 

Professor Rudy Assunção com a família em visita ao Papa Emérito Bento XVI.

Rudy entregou ao Papa Emérito Bento XVI sua mais recente obra, “Bento XVI, A Igreja Católica e o ‘Espírito da Modernidade'” (Ecclesiae). O escritor e a família receberam um mimo de Sua Santidade. “Além do grande dom da visita, Bento XVI nos presenteou, pelas mãos de Monsenhor Ganswein, com estas lindas medalhas [foto]. As grandes para mim e para a Renata [esposa]  e as pequenas para as crianças”.

Mimos de Bento XVI à família de Rudy Assunção.

Rudy Assunção despertou o interesse por Ratzinger, o Papa Emérito Bento XVI, ainda na adolescência, aos 15 anos.  O catarinense que mora em Quixadá, Ceará, é um dos maiores pesquisadores do país da obra Ratzingeriana-beneditina. Atualmente é professor do Centro Universitário Católica de Quixadá.

Leigo, casado e professor. Inspirado pela Fondazione Vaticana Joseph Ratzinger-Benedetto XVI ajudou a criar no Brasil a Sociedade Ratzinger que já está em atividade. A instituição  cuidará da publicação da obra completa de Bento XVI no país. Oblog Ancoradouro conversou com  Rudy Assunção em um colóquio que está apenas começando. Nele,  o professor conta também sobre seu primeiro encontro privado com Bento XVI.

Leia a íntegra da entrevista clicando abaixo:

Blog entrevista Rudy Assunção, propagador do pensamento de Bento XVI no Brasil

 

Recomendado para você