Ancoradouro

Exposição acusada de incentivo à pedofilia volta à mostra no Rio de Janeiro

3.80.60.248 /ancoradouro/2018/08/17/exposicao-acusada-de-incentivo-a-pedofilia-volta-a-mostra-no-rio-de-janeiro/
285 Seja o primeiro a comentar

Com a ajuda de Caetano Veloso, a mostra “Queermuseu – Cartografias da Diferença na Arte Brasileira” voltará a ser exposta, desta vez, no Rio de Janeiro. O cantor promoveu um show para arrecadar recursos para a exposição que há um ano foi fechada às pressas pelo Santander Cultural devido à pressão popular, depois de acusações de incentivo à pedofilia, zoofilia e desrespeito religioso em algumas obras.

Imagem que circulou na internet.

Quadro polêmico  da mostra apresentava corpo nú pequeno deitado em uma cama com outro corpo maior em cima e outros vultos segurando o que seria a imagem de uma criança. A imagem foi considerada um incentivo à pedofilia.

Quadro “Criança viada, travesti de lambada”.

Outras peças mostravam  imagens de posições sexuais, algumas até de pessoas com animais. O quadro “Criança viada: travesti de lambada” também foi denunciado à época.  Todas as obras estavam abertas à visitação  das crianças  em geral e havia recebido incentivo da Lei Ruanet.

Recomendado para você