Ancoradouro

Shalom reinaugura Casa para pessoas em situação de abandono, no Dia dos Pobres

Neste domingo, 17 de novembro, Dia Mundial dos Pobres 2019, data instituída pelo Papa Francisco, a Comunidade Católica Shalom promoverá uma programação especial com o objetivo de levar amor, esperança, conforto e dignidade para os moradores em situação de rua e vulnerabilidade social.

Data foi instituída pelo Papa Francisco.

As atividades acontecerão em nove projetos de promoção humana shalom e nos centros de evangelização espalhados em diversos bairros de Fortaleza e Região Metropolitana. Uma das principais ações é a reabertura da Casa São Francisco, no centro da cidade.

“Nós abriremos as portas da casa para os moradores e voluntários com uma grande ação social com prestação de serviços com atendimento médico, odontológico, psicológico, assistência social, orientação jurídica, corte de cabelo ou barba, higiene bucal, espaço kids, aconselhamento espiritual e ainda celebração eucarística, às 9 horas, e um almoço, a partir das 11 da manhã. Nesse dia, especialmente, receberemos homens e mulheres, crianças e idosos.”, explica o coordenador da Promoção Humama Shalom, Adalberto Souto da Silva.

Voluntários da Casa São Francisco.

Fundada em 2000 e antes denominada “Albergue Shalom”, a casa passa a funcionar com um novo sistema de atendimento aos homens moradores de rua. Agora, a casa São Francisco funcionará como um centro de convivência de fortalecimento de vínculos e estará aberta, todos os dias, das 8 da manhã até às 17 horas para receber todas as pessoas em situação de risco do sexo masculino. A coordenação do projeto informa que não haverá mais acolhimento noturno para os moradores. Com capacidade para 50 pessoas diariamente, a unidade oferecerá atividades de sociabilidade e convivência, cursos profissionalizantes, além de serviço de lavagem e secagem de roupa e alimentação.

A casa São Francisco tem o objetivo de acolher homens moradores de rua, com a finalidade de evangelizá-los e formá-los, proporcionando-lhes uma experiência pessoal com Deus, além de reinseri-los no meio familiar, social e profissional. Entre as atividades que serão oferecidas no dia a dia estão: palestras sobre cidadania, o valor e sentido do trabalho, valores para a vida social e familiar, noções de saúde e higiene pessoal, ambiental e alimentar, qualificação profissional por meio de cursos e oficinas, palestras e treinamentos, vivência da espiritualidade cristã, responsabilidade e autocuidado, além de encaminhamento para serviços de assistência social, educação e saúde.

A missão do projeto é assegurar atendimento com atividades direcionadas e programadas para o desenvolvimento da sociabilidade que oportunizem a construção do processo de saída das ruas.

Promoção Humana Shalom

Atualmente cerca de 54 missões da Comunidade Shalom desenvolvem ações sistemáticas de Promoção Humana. A maioria delas atua na evangelização em lugares carentes, hospitais e centros socioeducativos. Além disso, a Comunidade dispõe de projetos em 9 cidades: Itapipoca, Fortaleza, Natal, Senhor do Bonfim, Sobral, Aracaju, São Luiz e Juazeiro do Norte.

Chaves é uma das cidades mais carentes do Pará.

Os Projetos de Promoção Humana atuam com públicos distintos e são eles: as crianças em situação de vulnerabilidade social (Projeto José do Egito), pessoas em situação de Rua (Projeto Jesus Meu Abrigo) e dependentes químicos (Projeto Volta Israel).

A atuação da Promoção Humana também se estende para o Programa de Voluntariado Shalom, que atualmente trabalha em duas frentes: As expedições, que são realizadas durante determinado período em locais onde a Comunidade Shalom já realiza um trabalho evangelizador; e também dentro das Casas de Promoção Humana, auxiliando e fomentando a mentalidade do voluntariado dentro dos Projetos.

Atualmente os destinos regulares das expedições são Madagascar, Chaves e Cabo Verde.

Serviço: Dia do Pobre – Reinauguração da Casa São Francisco
Data:17/11/2019
Horário: A partir das 9 horas
Endereço: Floriano Peixoto, 1717. Centro de Fortaleza.

Recomendado para você