Artesanato da Mente

As pessoas mais racionais têm medo da crítica

935 4

630getty-boss-jpg_080748

A mensagem que transmitirei nesse texto é mais comum do que se pode imaginar, mas são poucas as pessoas que abordam com a profundidade que esse tema merece, as CRÍTICAS dos outros!

Eu tenho estudado bastante a Psicologia do comportamento humano e acima de tudo, tenho observado com olhos de águia o comportamento das pessoas que se aproximam de mim.

Venho constatando que as pessoas que mais sofrem quando recebem alguma crítica são as mais racionais, àquelas que se deixam dominar pela mente que é tão barulhenta e incessante.

Tenho autoridade para falar sobre esse tema porque eu sou um rapaz que fiz uma mega transição do RACIONAL para o EMOCIONAL. Já fui altamente racional, mas percebi que esse não é o melhor caminho…

Se você observar bem isso e procurar experimentar a proposta desse texto, vai perceber a sua vida se transformando.

Quando somos criticados por alguém e isso nos incomoda, é porque falta dentro de nós AUTOESTIMA e AUTOCONFIANÇA suficientes para ter a convicção de que essa crítica é injusta!

As pessoas que são muito racionais são criticadas e reagem com RAIVA, com AGRESSIVIDADE, ficam com a sensação de que são injustiçadas, e por isso acabam tendo uma postura VITIMISTA diante da vida.

O discurso delas é mais ou menos assim: “Oh meu Deus! Eu faço tudo tão bem, faço meu trabalho da melhor forma possível e não me valorizam.”

No amor e relacionamentos é assim: “Ficam me cobrando demais, querem sempre que eu seja perfeito(o)…”.

Sabe o que está por trás disso? MEDO, MEDO, MEDO…

Elas não desenvolveram ainda uma inteligência altamente sofisticada, que é a INTELIGÊNCIA EMOCIONAL.

Eu procurei pouco a pouco desenvolver essa inteligência e hoje em dia, quem tenta me criticar, praticamente já não me abala mais, por causa de uma palavrinha mágica: CONVICÇÃO.

Eu tenho convicção dos meus valores pessoais, sei o meu valor e sei que muitas vezes quem me critica na realidade está mesmo é com inveja, ou com sentimentos de falsa superioridade. Isso é tão bacana meus amigos! Eu levei anos para identificar isso com clareza em relação a mim.

Como reagem as pessoas que são voltadas para o coração? Que tem firmeza de propósito? Que são guiadas na vida a partir da sua alma?

Elas reagem com SERENIDADE. Elas reagem através de um processo absolutamente incrível de AUTOANÁLISE e ACOLHIMENTO.

Se você prestar atenção, quanto mais madura emocionalmente é uma pessoa, mais ela tem capacidade de OUVIR, sim! Ouvir é uma arte não sabia disso?

Elas ouvem tudo o que a outra pessoa tem pra dizer e tentam PONDERAR aquilo que faz sentido, e aquilo que não faz elas simplesmente ignoram.

E o mais incrível de tudo sabe o que é? Elas se tornam com isso a cada dia pessoas melhores. Vou explicar o porquê.

Elas melhoram por causa dessa AUTOANÁLISE. Elas pensam: “Fulano realmente tem razão naquele ponto, realmente eu preciso melhorar em relação a isso…”.

Então, na paz, na serenidade, “de boas”, como diriam alguns! Elas vão se tornando pessoas cada vez mais sofisticadas.

E como não poderia ser diferente! Essas pessoas com inteligência emocional são promovidas nos seus trabalhos, são reconhecidas pelo que fazem, ganham mais dinheiro, são convidadas a participarem de eventos, recebem vários elogios e tapinhas nas costas, e são admiradas por muitas pessoas!

Enquanto aquelas mais racionais ficam só reclamando, pensando em qual será a próxima estratégia mental para conseguir fazer um trabalho mais “perfeito”.

Se você for essa pessoa mais racional, pare com isso já! Você não percebe o desgaste que isso causa em você?

Mude da mente para o coração, busque ouvir o seu coração, ele tem intuições maravilhosas o tempo todo, mas você não escuta, porque não consegue parar, não consegue serenizar.

Respire fundo, faça uma meditação, um relaxamento, uma ioga. Algo que lhe faça ficar mais sereno. E procure também ler coisas que lhe ajudem nesse sentido. Vai fazer muito bem! Não tenha dúvidas que assim, você crescerá na vida em todos os setores e passará a ter uma paz de espírito nunca antes imaginada…

* Sugestão de leitura

Como aprender a lidar com as críticas?

Recomendado para você