Artesanato da Mente

Pratique o silêncio para não propagar fofocas

203 2

Dadi Janki

Uma senhora de grande sabedoria e que é pouco conhecida no ocidente é a querida Dadi Janki, uma paquistanesa que é líder espiritual e praticamente de Ioga, e viaja o mundo todo. Lendo algumas de suas palavras, fiquei refletindo sobre a importância de cultivarmos e praticarmos o silêncio sagrado, aquele silêncio que nos aproxima de Deus. Segue abaixo suas lindas palavras…

***************

“Evite usar seus olhos para ver o que não vale a pena ver. Deixe que comentários inúteis e negativos entrem por um ouvido e saiam pelo outro. Esses são os segredos para permanecer sempre leve. Portanto, cuide-se para não ficar pesado. Deus é tão leve! Fique leve e Deus ficará o tempo todo com você. A consciência de ser uma alma o levará para o silêncio e você se sentirá leve em um segundo. Seja cooperativo com todos e interaja com amor, mas cuide-se para não se envolver em grupos que se queixam e fofocam. Lembre-se: corvos pegam defeitos, cisnes pegam virtudes. Seja como um cisne. Pratique o silêncio. Seja sagrado…”

Dadi Janki

******************

Nessas poucas palavras ela está ensinando essa sabedoria de aprendermos a ser mais SELETIVOS em tudo o que ouvimos, vemos, falamos, sentimos, comemos e pensamos. Ou seja, precisamos desenvolver essa sabedoria em relação aos nossos 5 sentidos básicos, mas também com o nosso 6º sentido, que é nosso lado mental, que muitos também chamam de intuição.

“Evite usar seus olhos para ver o que não vale a pena ver”. Nesse mundo repleto de violência e tantos outros desequilíbrios, tem milhões e milhões de coisas que não vale a pena ver. Inclusive me coloco aqui como alguém que conscientemente evita assistir telejornais e noticiários que abordam a criminalidade, as mortes e as falcatruas que acontecem o tempo todo não só no Brasil, mas em todo o mundo. Costumo mais ler notícias breves no facebook ou em sites de notícias como a BBC.

Não vale a pena nos alimentarmos disso meus amigos! Em vez de perder tempo vendo o que praticamente se repete igualmente só mudando os personagens a cada semana, eu tento, na medida do possível, utilizar meu tempo para promover algo que seja engrandecedor tanto para mim como para as outras pessoas. Eu me sinto muito feliz por ser professor, porque posso levar aos meus alunos algo que ninguém jamais conseguirá tirar deles, o CONHECIMENTO. E faço questão de levar não apenas os conhecimentos técnicos, mas também aquilo que é intangível, que são os valores humanos e espirituais.

“Deixe que comentários inúteis e negativos entrem por um ouvido e saiam pelo outro”. Essa é a mensagem principal desse pequeno texto dela. Precisamos aprender a silenciar sempre que percebermos que algo que está sendo dito e espalhado não é construtivo e engrandecedor. Em outras palavras, a tal da FOFOCA.

Aproveito até para ensinar uma pérola de sabedoria que aprendi com a querida psicóloga Maura de Albanesi, que apresenta um programa na Rádio Mundial.

Num de seus programas ela ensinou um método infalível para cortar qualquer fofoca e você vai perceber o quanto é simples e eficaz.

Se alguém chegar pro você pra contar uma fofoca, como que em 99,9% das vezes as pessoas chegam?

– Fulana! Nem de conto! Tenho uma coisa pra te contar que você não vai acreditar?

Ou uma variação dessa frase.

– Amiga! Você nem sabe o que estão dizendo em tal canto…

Nessa hora, você de forma serena e firme diz.

– Calma! Espera! Não fale ainda! Isso que você está prestes a me dizer vai contribuir de alguma forma com meu crescimento, tem algo de bom que possa me agregar, ou é algo que pode deixar de ser dito e não eu não terei nenhum prejuízo?

Nessa hora a pessoa envergonhada vai dizer.

– Bem….É….Sabe! Você tem razão! Não vai agregar em nada.

Então você conclui.

– Então eu não preciso saber!

Mas, sendo bem sincero! Quem faz isso no dia a dia? Pouquíssimas pessoas concorda comigo?

Estou de forma simples ensinando você a não propagar ainda mais as fofocas, que tendem a se espalhar quase à velocidade da luz. Isso é perfeitamente possível, desde que você se comprometa com o cultivo desse silêncio cheio de sabedoria e propósito.

Você percebe que esse silêncio não tem nada a ver com OMISSÃO? Muitos de uma forma ilusória e condicionada têm a impressão de que silenciar é ser conivente com os outros, é não se posicionar etc. Porém, é justamente o contrário. Quando você silencia uma fofoca, você está sendo bastante firme e atuante no bem, você está sendo um sábio!

Que essas poucas palavras ajudem você a promover e ampliar tudo aquilo que for bom, porque se tem uma coisa que jamais vai agregar algo de bom ela se chama FOFOCA.

Concluo esse texto compartilhando também um breve áudio que gravei abordando de forma mais direta principalmente essa temática da fofoca, que é tão importante ser eliminada da nossa vida. Vale a pena conferir. Segue o link abaixo.

 

Recomendado para você