Assim Caminha a Humanidade

Ep. #21: Amor: “Do Eros cósmico aos contatinhos”

“Ser psicanalista é saber que todas as histórias terminam falando de amor”, disse a psicanalista búlgara Julia Kristeva. A música As time goes by, tema do filme Casablanca, traz em um de seus versos: “Ainda é a mesma velha história, uma luta por amor e glória”. O filósofo francês Alain de Botton escreve que toda vida adulta é definida por duas grandes histórias de amor: a primeira seria a história da nossa busca por amor sexual; e a segunda, a história da nossa busca pelo amor do mundo.

Falando sobre amor e desejo, o sociólogo polonês Zygmunt Bauman diz que “se o desejo quer consumir, o amor quer possuir”. Para Bauman, não se pode aprender a amar, assim como não se pode aprender a morrer. E também não se pode aprender a arte ilusória — inexistente, embora ardentemente desejada — de evitar as garras do amor e ficar fora do seu caminho.

Neste episódio, vamos conversar a respeito de algumas perspectivas sobre o amor — este que é o mais delicioso e irresistível clichê sobre a terra.

Ouça em outras plataformas:

DEEZER

iTUNES

GOOGLE PODCASTS

***

Instagram: @assim_caminha

***

Apresentação: Pati Rabelo e Heráclito Pinheiro

Roteiro: Pati Rabelo

Consultoria: Heráclito Pinheiro

Áudio e Edição: Mariana Vieira

Arte da Vitrine: Pati Rabelo

Curadoria de Instagram e Blog: Pati Rabelo

Comercial: Heráclito Pinheiro

Coordenação de Produção: Chico Marinho

Estratégia Digital: João Victor Dummar

Recomendado para você