Beleza e Saúde

Praticar o Treino Funcional com Técnicas do Yoga Queima Calorias e Previne Lesões

Para conquistar uma boa forma física, muitas pessoas recorrem a exercícios como: corrida, musculação, tênis, entre outras, porém, algumas dessas modalidades são as maiores responsáveis pelo aparecimento de lesões.

exercícios-de-Yoga

Uma excelente opção de atividade física para evitar lesões, queimar calorias e manter o corpo em forma de maneira muito eficaz e sem correr o risco de se lesionar é optar pelas modalidades do treinamento funcional.

O Treinamento funcional tem como proposta, melhorar a habilidade de realizar as atividades normais do cotidiano com eficiência, autonomia e independência. Essa modalidade se caracteriza pela semelhança do exercício ou das atividades propostas no dia a dia, visando promover as ações musculares em conjunto, proporcionando um trabalho corporal mais completo e equilibrado.

“O diferencial do treinamento funcional com Yoga é que além de executar exercícios aeróbicos e de força, o educador físico também aplica técnicas do yoga na aula para fortalecer a região abdominal e lombar, trabalhando o equilíbrio, resistência e coordenação”, explica Fábio Gomes, Educador Físico, especialista em Treino Funcional e instrutor de Yoga do Fit Body Pilates Spa & Estética.
A queima de gordura ocorre devido ao gasto calórico muito grande na execução das tarefas e do uso do peso do próprio corpo, além do uso de equipamentos como: bola suíça, cinto de tração, bosu, plataformas de equilíbrio e etc.
O educador físico e instrutor de yoga do Fit Body Pilates Spa & Estética separou algumas dicas de exercícios para realizar as técnicas do yoga nas aulas de treinamento funcional.

Sethu Bandasana (Postura da Meia Ponte): Serve para fortalecer a região abdominal e lombar, também promove a maior flexibilidade da coluna.
Como é feita: 1- Deite-se com as costas no chão, flexionando os joelhos;
2- Posicione os calcanhares perto dos glúteos;
3- Deixe os braços ao lado do corpo com as palmas das mãos para baixo;
4- Inspire e direcione o umbigo para cima elevando o quadril;
5- Sinta o peso nas escápulas, próximo dos ombros;
6- Mantenha-se na postura por um tempo confortável;
7- Se preferir, expire descendo o corpo e inspire elevando o quadril novamente e repita algumas vezes o movimento junto com a respiração;
8- Respirando de forma suave, inspire e suba o quadril, expire e volte as costas para o chão.

Postura do Guerreiro Devocional: Fortalece braços, ombros, punhos, core e parte posterior das pernas. Abre a parte interna e posterior das pernas. Melhora a concentração, o equilíbrio e acredita-se que ajuda na digestão.
Como é feita: 1-Comece na postura do guerreiro II, com a perna direita para frente;
2-Deixe suas mãos cair para trás e junte-as atrás do sacro. Inspire profundamente para abrir o tórax;
3- Ao expirar, incline-se em volta do joelho direito;
4-Deixe a cabeça cair em direção ao chão, permitindo que a gravidade faça o trabalho. Mantenha os quadris encaixados e deixe o pescoço livre. Respire fundo nessa posição por pelo menos três  vezes vezes, em seguida repita no outro lado.

Postura do Lagarto: Melhora a Flexibilidade e Mobilidade
Como é feita:  1- Comece na posição do cão;
2- Eleve a perna direita para o alto na postura do cachorro olhando para baixo com perna elevada, abra os quadris e flexione o joelho;
3.Coloque o pé direito do lado de fora da mão direita;
4. Leve o joelho esquerdo ao chão e abaixe os antebraços, um de cada vez, até o chão;
5-Empurre o tórax para frente tentando ir além dos braços e deixe a cabeça relaxar, alinhada com a coluna. Respire profundamente pelo menos três vezes nessa posição e então repita com o lado esquerdo.