Blog do Leão

Cuiabá 2×2 Fortaleza – Fiquei rico, fiquei pobre, fiquei rico

76 22

 

Ronny marcou no final e o Leão trouxe o empate de Cuiabá

 

Caros tricolores, o Leão foi ao Mato Grosso e trouxe um pontinho precioso na bagagem. Analisando pela posição do adversário na tabela e levando em consideração que ainda não venceram nenhuma partida, podemos concluir que perdemos dois pontos. Mas deixando a frieza dos números de lado e considerando o calor da alternância de momentos na partida disputada na Arena Pantanal, o pontinho ganho no empate teve sabor de vitória.

Mas o coitado do Cuiabá parece não conhecer as escrituras futebolísticas dos deuses da bola. Tem um parágrafo que diz ” Se por acaso construíres o placar de 2×1 contra o Rei Leão aos 45 minutos da etapa final, tomarás o inevitável empate aos 47″

O jogo começou com alternância logo desde o seu início. Os donos da casa rondavam a meta tricolor, porém as melhores chances da primeira etapa foram do tricolor levava perigo em contra-ataques e lances isolados.

Bola na rede mesmo só no segundo tempo. Hiago abriu o placar depois de bela jogada trabalhada por Everton e Lúcio Flávio, deixando o torcedor leonino rico de alegria. Passaram somente três minutos e uma falha de marcação num escanteio acabou com a efêmera riqueza de alegria  tricolor.

O susto maior aconteceu aos 45. Jefferson resistiu à investida do atacante adversário como a manteiga resiste à faca quente, e este ainda quebrou a espinha do Edmar antes de mandar a bola pra rede. Faltou só a narração ” É o gol da vitória do Cuiabáááá´! O herói é você, Bruno Sávio!”. Ficamos plenamente pobres de alegria.

Aos 47, uma falta pra nós. Ora, bolas. A quadragésima falta no ataque marcada a nosso favor em 2017, claro que não ia dar em nada e continuaríamos com o zero por cento de aproveitamento. E não é que o Ronny deu o ar de sua graça e mandou a bola pro fundo da meta cuiabana. Que alivio, que riqueza! ufa

Demos sorte nesse pontinho a mais. Segue o jogo. Temos o que melhorar.

Que venha o Sampaio! Arrocha, Leão!