Blog do Leão

Criciúma 2×0 Fortaleza – Azedou o feijão

617 26

Novamente com falso domínio, o Leão perde em Criciúma. Foto: Ulisses Job/Divulgação

 

Caros tricolores, vivemos mais um ponto baixo na montanha russa em que se transformou a produção tricolor.

Mais uma vez a nossa zaga influenciou no resultado da partida. Um pênalti claro cometido por Diego Jussani que, para a maioria, é nosso melhor zagueiro. Aí pode estar a explicação da causa de tomarmos gol em todos os jogos. A última partida que saímos com a cidadela virgem foi naquele longínquo jogo contra o Juventude.

Além da qualidade, a quantidade também é fator determinante para um campeonato de 38 rodadas. Só temos 4, vejam eles:

Um vive machucado;
Um era questionado na Série C e hoje é titular absoluto;
Um é pesado e joga melhor de pivô;
Um é o Roger Carvalho.

Até o Boeck incorporou o momento ruim do setor defensivo e anda tomando uns gols que faria qualquer internauta apagar o Instagram de vergonha. Os laterais correm como se estivessem com o bucho cheio de uma pesada feijoada

Sem contar com Marlon, Jean Patrick e Bonilha,o professor, pra completar o azedume, temperou o time com Igor e Pablo, dois ingredientes com validade expirada desde o estadual. Não podia dar em outra. Pelo menos o juizão deu uma ajuda para o próximo banquete, e eliminou de vez a possibilidade de requentarem tal indigesta escalação.

Agora a bomba está nas mãos do Rogério. Não há mais tempo para contratar, o professor terá de se virá com o que tem para a dura missão de recuperar o azedo setor defensivo.

Vamos a São Luís!

Simbora, Leão