Blog do Maranhão

Cine PE divulga os filmes de sua 21ª edição

De 23 a 29 de maio, festival exibe seis longas e 20 curtas de todo o País
em suas três mostras competitivas e homenageia Rodrigo Santoro,
Cassia Kiss e o crítico de cinema Luiz Joaquim

O Cine PE completa 21 anos e, de 23 a 29 de maio de 2017, vai reunir no Recife diretores, produtores, atores, jornalistas e críticos de todo o país em torno do cinema brasileiro. O festival será realizado no tradicional Cinema São Luiz, que voltou a sediar o evento há dois anos. Longas de ficção e documentários estarão juntos na Mostra Competitiva de Longas-Metragens, que reúne seis filmes nacionais. A Mostra Competitiva de Curtas-Metragens Pernambucanos apresenta oito títulos e a Mostra Competitiva de Curtas-Metragens Nacionais, 12, incluindo um cearense.

Os longas nacionais selecionados para a mostra competitiva são O Crime da Gávea, de André Warwar (RJ); Borrasca, de Francisco Garcia (SP); Toro, de Edu Felistoque (SP); Los Leones, de André Lage (MG); O Jardim das Aflições, de Josias Teófilo (RS); e O Silêncio da Noite é que tem Sido Testemunha das Minhas Amarguras, de Petrônio Lorena (PE).  (Veja abaixo a lista completa e detalhes).

Fora de competição, compõem a Mostra Hors-Concours três longas: a ficção Real – O Plano por Trás da História, de Rodrigo Bittencourt (SP); e os documentários O Caso Dionisio Diaz, de Chico Amorim e Fabiana Karla (RJ), e Atum, Farofa & Spaghetti, de Riccardo P. Rossi (SP); além do curta pernambucano Duas Mulheres, de Marcelo Brennand. Inscreveram-se este ano no Cine PE 473 filmes, sendo 398 curtas e 75 longas.

MOSTRA COMPETITIVA DE LONGAS-METRAGENS

 
BORRASCA (SP) – Ficção – 74′

Sinopse: Por meio da história de três amigos, o filme BORRASCA fala de amizade, traição, amor, morte e decisões que precisam ser tomadas para prosseguir com a vida dos que ficaram. Em uma noite chuvosa, Gabriel e Diego, um escritor amargurado e um piloto de helicópteros, respectivamente, reavaliam suas vidas, colocando em xeque aqueles que querem continuar e os que simplesmente preferem ficar pelo caminho.
Direção: Francisco Garcia
Roteiro: Mário Bortolotto
Produção: Francisco Garcia, Andre Gevared e Alexandre Mroz Tastardi
Fotografia: Alziro Barbosa
Ator: Mário Bortolotto e Francisco Edo Mendes


LOS LEONES (MG) – Documentário – 79′

Sinopse: Los Leones traça o retrato íntimo de um casal argentino marginal: a travesti Mariana Koballa e seu companheiro, Raul Francisco. Vivem na pacata ilha argentina de Tres Bocas, próximos à natureza, amigos e animais de estimação. De forma realista e poética, o filme acompanha o cotidiano do casal durante um ano e revela o humor diante de situações dramáticas, o convívio com os sintomas da doença de Mariana e a singularidade desta relação amorosa.
Direção: André Lage
Roteiro: André Lage
Produção:  Relâmpago (André Lage), Les films Du coquelicot (Anne Bouvier d´Yvoire)
Fotografia: André Lage
Ator: Raúl Francisco
Atriz: Mariana Koballa


O JARDIM DAS AFLIÇÕES (RS) – Documentário – 81′
Sinopse: O pensamento de Olavo de Carvalho personificado pela sua presença, rotina de trabalho e convívio familiar na Virgínia (EUA), onde mora atualmente. O filme parte dos temas do livro homônimo que ele publicou em 1995, tais como o simbolismo dos jardins na tradição filosófica, liberdade individual e opressão do coletivo, o pensamento aristotélico, e chega a um dos temas centrais do seu pensamento: a morte e a filosofia – aquelas ideias que continuam sendo importantes para nós em face da morte – tendo como mote a pergunta: “O que você vai fazer com a sua vida enquanto é tempo?”.
Direção: Josias Teófilo
Roteiro: Josias Teófilo
Produção: Matheus Bazzo
Fotografia: Daniel Aragão
Montagem: Matheus Bazzo e Daniel Aragão
Trilha Sonora: Jean Sibelius
Trilha Sonora Original: Guto Brinholi
Edição de Som: Mauricio Fonteles


O SILÊNCIO DA NOITE É QUE TEM SIDO TESTEMUNHA DAS MINHAS AMARGURAS (PE) – Documentário – 78′
Sinopse: Rodado nas cidades de São José do Egito, em Pernambuco; Ouro Velho e Prata, na Paraíba, o documentário tem como personagem a própria poesia, presente no cotidiano da população que vive na fronteira entre os dois estados. A verve poética aparece na voz dos descendentes de célebres vates do sertão e dos habitantes que convivem com essa tradição, relembrando histórias de cantorias, grandes respostas poéticas e dissertando sobre o sentimento do que é se sentir poeta.
Direção: Petrônio Lorena
Roteiro: Narjara Medeiros, Petrônio de Lorena
Produção: Nosotros y Los Demás, Candiero Produções
Fotografia: Roberto Iuri
Elenco: Severina Branca, Jorge Filó, João Badalo, Antônio Marinho, Ésio Rafael, Zé Rocha, Greg Marinho, Nõe de Job, Expedito Vaqueiro, Lamartine Passos, Zé de Cazuza, Cícero Bernardes, Job Patriota, Didi Patriota, Neném de Santa, Antenor Cazuza, Marquinhos da Serrinha, Paulo Barba, Romero Cazuza, Carlinhos da Prata, René Cavalcanti, Giuseppe Mascena, Graça Nascimento, Tonfil Mariana, Teles Rildo de Deus, Val Patriota.


O CRIME DA GÁVEA (RJ) – Ficção – 78′

Sinopse: Paulo chega em casa e encontra sua mulher assassinada. Paralelamente à polícia, Paulo investiga o crime e acaba perdendo-se no labirinto de suas próprias contradições, tornando-se simultaneamente vítima, investigador, juiz, réu e carrasco.
Direção: André Warwar
Roteiro: Marcílio Moraes
Produção: Marcílio Moraes
Fotografia: Alex Lopes, João Atala, Raul Salas, Natalia Sahlit, Inti Briones
Montagem: Márcia Watzl
Ator: Ricardo Duque
Atriz: Simone Spoladore
Ator Coadjuvante: Roberto Birindelli
Atriz Coadjuvante: Aline Fanju

TORO (SP) – FICÇÃO – 83′
Sinopse: Um Filme da “Trilogia da Vida Real” O ex-policial Carlão já foi playboy, viciado, traficante, já foi até um homem de honra, mas esta ele perdeu nos anos em que passou atrás das grades. Agora ex-presidiário é um taxista vivendo em uma eterna agonia, que tenta extravasar seus próprios preconceitos em arenas de rinha humana. Foi nesses duelos que ele se sagrou campeão e ficou conhecido como Toro. Acontece que Carlão se esqueceu de enterrar sua velha identidade numa cova bem funda. Seu passado está de volta jurando vingança e o fazendo se confrontar com sua mais íntima dúvida, aquela que ele mais abomina.
Direção: Edu Felistoque
Roteiro: Edu Felistoque, Julio Meloni
Produção: Sergio Martinelli, Edu Felistoque, Lu Lopes, Victoria Mazzia, Denise Castelhano
Fotografia: Viktor Ximenes
Ator: Rodrigo Brassoloto
Atriz: Naruna Costa
Ator Coadjuvante: Sergio Cavalcante
Atriz Coadjuvante: Priscilla Alpha
Elenco: Rodrigo Brassoloto, Naruna Costa, Sergio Cavalcante, Priscilla Alpha, Marco Cavalcante e Rodrigo Lampi.

MOSTRA COMPETITIVA CURTAS METRAGENS NACIONAIS

A MENINA SÓ (SC) – Ficção – 10′
Sinopse: Na chácara em meio às araucárias, a menina cresce ouvindo de seu pai que o diabo tem morada no velho paiol de seu quintal. Mas nem a possível presença do diabo é tão perturbadora quanto o que se encontra lá dentro.
Direção: Cíntia Domit Bittar
Ator: Luciano Brandenbergher
Atriz: Gabriele Bittar

ABISSAL (CE) – Documentário – 17′
Sinopse: Partindo do projeto de pesquisar a vida de um avô que nunca conheceu, o cineasta cearense Arthur Leite começa a investigar a história da própria família. Quanto mais mergulha nela, mais se afasta da ideia original, percebendo que a personagem, na verdade, é sua avó, Rosa – que, diante de uma câmera, dispõe-se a fazer revelações inesperadas sobre esse passado desconhecido.
Direção: Arthur Leite

AQUELES ANOS EM DEZEMBRO (SP) – Documentário – 18′

Sinopse: Um filme que não pôde ser feito. Uma cidade que se refaz. Entre eles, a histórias de meus avós e seus dezembros.
Direção: Felipe Arrojo Poroger
Elenco: Luiz Poroger, Sérgio Poroger, Maria José Arrojo, Regina Poroger, Felipe Arrojo Poroger, Catharina Visconte, Raphael Arroyo

CARTAS (RJ) – Animação – 4′
Sinopse: Uma mulher trancada em suas memórias recebe uma carta inesperada que a fará ter de enfrentar seus medos e seu passado.
Direção: David Mussel

DIAMANTE, O BAILARINA (SP) – Ficção – 22′
Sinopse: Voe como uma borboleta, ferroe como uma abelha.
Direção: Pedro Jorge
Ator: Sidney Santiago
Atriz: Thaís Medeiros
Ator Coadjuvante: João Acaiabe

LUIZA (PR) – Documentário – 15′
Sinopse: “Luiza” trata da delicada relação entre uma jovem deficiente e o universo que a cerca, tendo a sexualidade como fio condutor para abordar questões como preconceito, relações entre pais e filhos, super-proteção da família, autonomia, diferenças e amor.
Direção: Caio Baú

NÃO ME PROMETA NADA (RJ) – Ficção – 21′

Sinopse: Rio de Janeiro, Brasil. Hua e Ayron, um casal de primos chineses, se apaixona secretamente. Até o dia em que Ayron recebe uma passagem de volta  e tudo muda. As ruas da Tijuca se transformam para o Ano Novo Chinês, enquanto o Rio de Janeiro se prepara para as Olimpíadas.
Direção: Eva Randolph
Ator: Pedro Li
Atriz: Vivian Yang
Elenco: Lin Mohsi, Ana Fu, Cecília Li, Fabiana Pan, Mei Wu e Roberto Sun

O EX-MÁGICO (PE) – Animação – 11′
Sinopse: Com misteriosos poderes, um homem, aparentemente sem passado e sem paciência, vai em busca de uma maneira de libertar-se das angústias que seus dons mágicos causaram em sua vida.
Direção: Olimpio Costa e Mauricio Nunes
Ator: Paulo Laurindo

O TRONCO (SP) – Ficção – 21′
Sinopse: Em uma tarde de domingo uma família se desfaz de suas raízes.
Direção: Leonardo Rocha e Luna Grimberg
Ator: Edison Simão
Atriz: Helena Albergaria
Ator Coadjuvante: Gustavo Trestini e Saulo Sirota
Atriz Coadjuvante: Maria Paixão de Jesus, Flavia Pyrano e Nathalia Falcão

QUANDO OS DIAS ERAM ETERNOS (SP) – Animação – 13′
Sinopse: Filho retorna à sua casa de infância para cuidar da mãe em seus últimos dias de vida.
Direção: Marcus Vinícius Vasconcelos

RETRATOS DA ALMA (DF) – Documentário – 20′
Sinopse: O documentário conta as histórias de pessoas que têm uma estreita relação com o meio ambiente, e nos convidam a refletir sobre a natureza humana.
Direção: Leo Bello

VÊNUS – FILÓ A FADINHA LÉSBICA (MG) – Animação – 6′

Sinopse: No conto de fadas animado Filó, uma fadinha lésbica com dedos ágeis, seduz as mulheres de dia, vestido como menino. Mas à noite algo estranho acontece e logo metade da população da Vila do Troço está ansiosamente em fila.
Direção: Sávio Leite
Atriz: Helena Ignez

MOSTRA COMPETITIVA DE CURTAS-METRAGENS PERNAMBUCANOS

MARINA E O PÁSSARO PERDIDO (PE) – Animação – 4”
Sinopse: Conta a história de Marina, que ganha um passarinho com quem constrói uma forte amizade. Até que Marina conhece outros brinquedos e deixa o passarinho de lado. Chateado ele foge da gaiola. É quando ele descobre o valor da verdadeira amizade.
Direção: Marcos França

ALMAS SECAS (PE) – Animação – 2′
Sinopse: Clima ensolarado e típico de sertão brasileiro, numa terra habitada por criaturas místicas que lutam pela essência da vida.
Direção: Elvis Miranda, Helena Ferreira

AQUI JAZ (PE) – Ficção – 7′
Sinopse: À sombra de uma morte violenta, mulher isolada num apartamento mergulha em uma viagem ao seu inconsciente, oscilando entre o pânico e o delírio..
Direção: Brenda Ligia Miguel
Atriz: Brenda Ligia Miguel
Elenco: Marcelo Pinheiro.

AUTOFAGIA (PE) – Ficção – 11′

Sinopse: Um homem do campo. Uma travesti. Quando esses dois mundos se encontram, o ódio e o desejo libertam as negações mais profundas. A todo momento digerimos e renovamos o outro em nós..
Direção: Felipe Soares
Ator: Arlindo Ferreira
Ator Coadjuvante: Emanuel David D`Lúcard

BAUNILHA (PE) – Documentário – 18′
Sinopse: Olhe a sua volta. Tudo que você vê e toca pode ter o gosto de baunilha.
Direção: Leo Tabosa
Ator: Brenno Furrier
Ator Coadjuvante: Vinícius Barros
Atriz Coadjuvante: Renata Sarmento

ENTRE ANDARES (PE) – Documentário – 15′
Sinopse: No centro do Recife, cinco pessoas resistem junto a um prédio em estado de degradação.Enquanto contam suas histórias pessoais, memórias do edifício e da cidade são reveladas.
Direção: Aline van der Linden e Marina Moura Maciel
Elenco
: Aluízio Caetano, Cecília Araújo, Lourdes Sampaio, Pedro Sobrinho e Ramiro Brandão

ILUMINADAS (PE) – Documentário – 13′
Sinopse: Luz, sombra, mistério.
Direção: Gabi Saegesser


LOS TOMATES DE CARMELO (PE) – Ficção – 14′

Sinopse: 1941, Castilla y León. Carmelo tem um pacto honrado com a solidão. Sua pele esta marcada pelos muitos anos vividos em um bosque de pinheiros. Não choveu nesta primavera e solo esta muito duro. Pela primeira vez, Carmelo não sabe se poderá plantar seus tomates.
Direção: Danilo Baracho
Ator: Juan Antonio Quintana
Ator Coadjuvante: David Luque, Raul Escudero
Elenco: Pedro del Valle, Luis Ma

 

MOSTRA DE FILMES HORS CONCOURS

ATUM, FAROFA & SPAGHETTI (SP) – Documentário – 95′
Sinopse: “Atum, farofa & spaghetti é um documentário que nasce para registrar uma intensa viagem entre amigos chefs. São eles: Joca Pontes, Duca Lapenda e André Saburó, nomes que figuram com destaque na cena gastronômica pernambucana, assim como no Brasil e pelo mundo. Como pano de fundo, um chamado para que Joca realizasse um jantar no Zé Kitchen Galerie, renomado restaurante com uma estrela Michelin, no qual o pernambucano trabalhou na temporada em que viveu em Paris. Ele aceita o convite, mas articula para que os tais colegas de profissão estivessem neste projeto. Assim, desenhou-se um roteiro em busca das origens e histórias de cada um, a fim de identificar como raízes familiares e vivências pessoais deixaram marcas em suas personalidades culinárias. Para tanto, a obra segue os moldes de um Road Movie, ou seja, um ‘filme de estrada’, no qual os caminhos têm função essencial na estrutura que permeia a obra. O ponto de partida é a capital pernambucana, Recife, com paragens em Roma e Maratea, na Itália; Paris, na França; Tóquio, Nagazaki e Sasebo, no Japão. Paralelamente à pilar, Riccardo P. Rossi, cineasta italiano e diretor do filme, construiu uma narrativa documental que propõe a divulgação dos ingredientes regionais e a valorização da cultura gastronômica de Pernambuco. Ao mesmo tempo, é uma reflexão sobre a gastronomia brasileira, sua essência e seus insumos, que naturalmente sofreram influência dos fortes e tantos fluxos de imigração no país, formando consequentes gerações com traços estrangeiros e que ajudam a compor um Brasil tão múltiplo. O filme é fruto de seis anos de trabalho, totalmente independente.
Direção: Riccardo P. Rossi
Roteiro: Riccardo P. Rossi
Produção: Valdo Mendola
Fotografia: Marina Brito
Elenco: Joca Pontes, André Saburo Matsumoto, Duca Lapenda.
Participação: Willian Leduiel, Raphael Rego e Zayu Hasegawa.

DUAS MULHERES (PE) – Ficção – 15′
Sinopse: Em um quarto bagunçado, um tapa derruba uma mulher no chão. A agressora, parece enlouquecida, banhada em raiva e lágrimas. O motivo que leva as duas, aparentemente velhas conhecidas, a esse estado não é imediatamente revelado. Rapidamente somos transportados para outra época, a década de 70: violência, repressão, ditadura, a geração hippie, a contracultura. Reencontramos essas duas mulheres, agora amigas, em uma sala de cinema. Inicia-se aqui um quebra-cabeças a ser montado, onde o presente, passado e ilusão misturam-se, confundem-se.Inspirado num conto de Ronaldo Correia de Brito, do livro Retratos Imorais, Duas Mulheres conta uma história sobre as emoções e os limites do amor e da amizade. Até aonde vai a amizade e aonde começa o amor. Duas personagens se embrenham nessa confusão de nomenclaturas, de fronteiras, de sentimentos e espaços.
Direção: Marcelo Brennand
Roteiro: Anna Carolina Francisco e Marcelo Brennand
Produção: REC Produtores e Zéfiro Filmes
Atriz: Malu Bierrenbach, Gilda Nomacce
Elenco: Miriã Possani, Anaterra Veloso
Atriz Coadjuvante: Miriã Possani, Anaterra Veloso

O CASO DIONISIO DIAZ (RJ) – Documentário – 54′
Sinopse: A história verídica do menino/ herói, que virou Santo: Aos 9 anos, em 1929, na cidade de Treinta y tres (Uruguai), após assistir a chacina de sua família e ser ferido na barriga, carregou nos braços a sua irmã de 15 meses por 8 km e morreu em seguida após deixar a bebe salva em mãos seguras.
Direção: Chico Amorim / Fabiana Karla
Roteiro: Chico Amorim / Fabiana Karla
Produção
: Bruno Muniz
Fotografia: Baldemar Campos

REAL – O PLANO POR TRÁS DA HISTÓRIA (SP) – Ficção – 90′

Sinopse: O filme “Real – O Plano Por Trás da História” é uma livre adaptação do livro “3.000 Dias no Bunker – Um Plano na Cabeça e um País na Mão”, de Guilherme Fiuza.
Direção: Rodrigo Bittencourt
Roteiro: Mikael de Albuquerque
Produção: Ricardo Fadel Rihan
Fotografia: Fabio Burtin
Elenco: Emílio Orciollo Netto, Norival Rizzo, Paolla Oliveira, Mariana Lima, Bemvindo Sequeira, Tato Gabus Mendes, Cassia Kis, Klebber Toledo

 

Recomendado para você