Blog do Maranhão

O roteirista desta temporada endoidou?

HÁ MUITO SE DIZ que o Brasil não é para amadores. A semana que passou é prova inconteste da procedência do ditado. Não foram poucos os acontecimentos que puseram à prova a credulidade do brasileiro. O vídeo amador protagonizado pela deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) é um deles.

Como encontrar verossimilhança, eu pergunto ao nobre leitor, na cena em que a ministra do Trabalho, nomeada mas não empossada, cercada por amigos descamisados, minimiza as condenações que teve na Justiça trabalhista? Se o teor da gravação não fosse suficientemente surreal, sua fala é sucedida pela declaração de um dos tais amigos afirmando que “ação trabalhista todo mundo pode ter, eu tenho, ele tem” e antecedida por um “Vai ministra!”, que remete imediatamente ao Vai Malandra, de Anitta.

E o que dizer do presidente Michel Temer (MDB), que enquanto fazia maratona por programas de TV populares para defender a Reforma da Previdência esqueceu-se de provar à Previdência que ele próprio estava vivo e teve suspensa sua aposentadoria?

Ou ainda o juiz fluminense Marcelo Bretas, um dos ícones-mor da Operação Lava Jato, que pleiteou (e obteve) na Justiça o direito de receber mensalmente auxílio-moradia de R$ 4.377, mesmo valor que a sua mulher, com quem divide o teto, já recebia?

Como costuma dizer um amigo, fã de séries de TV, daquelas com excelência dramatúrgica, “o roteirista desta temporada endoidou, só pode ser isso!”. Ou, como é corrente na Praia dos Crush, “Pisa menos, realidade!”

Émerson Maranhão EDITOR DE CONTEÚDO AUDIOVISUAL

Recomendado para você