Blog do Vozão

Ferroviário 0x2 Ceará – Sem invenções

1283 30
Válber entrou no time e deu conta do recado (Foto: Cearasc.com/Divulgação)

Válber entrou no time e deu conta do recado (Foto: Cearasc.com/Divulgação)

Se o time não fez uma partida de encher os olhos, pelo menos mostrou ser possível na base do feijão com arroz alcançar o que pretendemos nesta competição, para isso, basta jogar como jogou hoje, sem invenções e fazendo o simples.

Com uma formação armada no tradicional 4-4-2, mas com dois meias, o time fez sua melhor apresentação sob o comando do treinador Leandro Campos. É necessário dizer que algumas peças do time foram alteradas, mas o importante é que a exibição de hoje mostrou que, se não inventar, a probabilidade do time encontrar o tão desejado equilíbrio dentro de campo e, consequentemente, uma regularidade na competição, é grande.

Hoje vi o time atuar com dois laterais bastante participativos, municiando os atacantes e aparecendo como opção no ataque, o gol de Vicente comprova isso, vi o time com os meias fazendo seu papel, um ajudando um pouco na marcação, caso de Válber, e o outro chegando mais junto ao ataque, caso de Gabriel, vi o time pela primeira vez não se sentir dependente do Ricardinho e percebi as coisas funcionando e ganhando uma direção.

Foi uma vitória justa. Destaco a boa atuação de Válber, Potiguar e Rafael Cruz, e não irei mencionar o Rafael Vaz e o João Marcos por serem “honrs concur”, e gostei do Leandro Campos, que dessa vez não inventou. Espero que a lição tenha sido tirada e que daqui pra frente o time caminhe no rumo certo, consertando as deficiências, mas sem invenções.

Veja os gols da partida:

[youtube]http://youtu.be/i0N8moZlOkA[/youtube]

FICHA TÉCNICA

Ferroviário x Ceará
Data:
7 de abril de 2013
Local: Arena Castelão
Hora: 16 horas
Árbitro: Wladyerisson Oliveira
Assistentes: Thiago Brígido e Anderson Silveira
Cartões amarelos: Foguinho, Vagno Pereira, Reginaldo (Ferroviário) e João Marcos, Mota e Rafael Cruz (Ceará)
Cartões vermelhos: Vagno Pereira, Rafael Cruz
Gols: Gabriel (13/2T) e Vicente (46/2T)

Ferroviário: Fernando Jr.; Reginaldo (Ted), Cleylton, Lima e Samir; Vagno Pereira, Éverton, Foguinho, Leandro (Diego) e Flamel (Harton); Giancarlo. Técnico: Sérgio Alves.

Ceará: Fernando Henrique; Rafael Cruz, Potiguar, Rafael Vaz e Vicente; Everton, João Marcos, Válber (Mota) e Gabriel; Magno Alves (Anselmo) e Lulinha. Técnico: Leandro Campos.

 Saudações Alvinegras!