Blog do Vozão

Vozão news

1900 51
Ernandes (esq) e Thiago Carvalho (dir) chegam para o vozão (Christian Alekson/CearaSC.com)

Ernandes (esq) e Thiago Carvalho (dir) chegam para o Vozão (Foto: Christian Alekson/CearaSC.com)

Recentemente fiz um post trazendo as novas do Vozão e muitos foram os pedidos para que post como esse fosse repetido aqui no blog. E como o espaço aqui é dedicado ao leitor, iremos repetir a dose e dizer que estamos analisando a possibilidade de que pelo menos uma vez por semana repetir a dose aqui no blog.

Então, vamos lá.

DOIS SAINDO…

Fazendo coro aos que dizem que, se as coisas não andem bem, é preciso que mudanças sejam feitas, o Vozão decidiu fazer mudanças e não contará mais com os trabalhos do gerente de futebol, Diego Cerri, e do preparador de goleiros, Marquinhos Gomes.

DOIS CHEGANDO… (Parte 1)

Para ocupar as vagas dos que saíram, a diretoria estar trazendo outros dois profissionais. Para assumir o posto de preparador de goleiro, o Vozão confirmou a contratação de Alex Guimarães, que tem em seu currículo trabalhos em vários clubes cariocas, entre eles o Vasco da Gama, e que também já trabalhou com Marcelo Cabo. Já para assumir a gerencia de futebol, apesar da Diretoria ainda não ter confirmado de forma oficial, o nome de Rodrigo Pastana é dado como certo. Rodrigo Pastana esteve recentemente no ABC onde saiu envolto a polemicas.

DOIS CHEGANDO… (Parte 2)

Dando sequência a remontagem do elenco, o Vozão confirmou a vinda de mais dois jogadores, o zagueiro Thiago Carvalho, 27 anos, e o polivalente Ernandes, 27 anos. Thiago Carvalho vem por empréstimo junto ao Cruzeiro e ficará até o final da temporada, o jogador não atua em uma partida oficial desde o final do campeonato mineiro, quando atuou pelo Boa, mas, vinha treinando normalmente e se diz pronto pra jogar. Ernandes assinou contrato até maio de 2016, e é aquele mesmo que já atuou pelo Vozão em 2010, seu último clube foi o Sheriff da Moldávia.

UMA HORA QUER, OUTRA NÃO QUER

Depois de entrar no STJD com um mandato de garantia para assegurar sua participação na Copa Sulamericana, e ter seu pedido aceito, o Vozão voltou atrás e decidiu abrir mão de disputar a competição. A justificava dada pelo departamento jurídico do clube foi que as datas reservadas para os jogos da Sulamericana e Copa do Brasil seriam a mesmas e o clube não teria como jogar partidas praticamente simultâneas.

Saudações Alvinegras!

Recomendado para você