Bola ao Alto

Basquete Cearense tem representante na Seleção Brasileira 3×3

O Basquete Cearense tem um representante na Seleção Brasileira de Basquete 3×3 que irá disputar o Campeonato Mundial de Moscou, na Rússia, de 5 a 8 de junho. O armador Davi Rossetto está entre os convocados na última segunda-feira (dia 5). O blog Bola ao Alto conversou com jogador que recebeu a notícia através de Espiga, assistente técnico do time nordestino. Esta é a primeira vez que Davi vai disputar um mundial nesta modalidade pela seleção brasileira.

Davi Rossetto, armador do Basquete Cearense, foi convocado para seleção brasileira 3x3. (Foto: Divulgação)

Davi Rossetto, armador do Basquete Cearense, foi convocado para seleção brasileira 3×3. (Foto: Divulgação)

“Assim que fiquei sabendo da convocação voltei a treinar. É um honra saber que vou representar o Basquete Cearense e o Brasil. Me apaixonei pelo basquete 3×3 logo na primeira vez que tive a oportunidade de jogar este estilo, é maravilhoso ter esse reconhecimento e poder disputar um campeonato tão importante”, explica o armador do Basquete Cearense.

A equipe masculina será formada por Gustavo Bracco, Douglas Motta, Davi Rossetto e Marcos Vinícius Inácio. “Conheço bem o pessoal que foi convocado, nunca joguei com eles, apenas contra, mas tenho certeza que todos se encaixam bem como equipe, dentro da modalidade que tem suas particularidades em relação ao basquete convencional”, acrescenta Davi.

Ainda segundo o atleta, o técnico do Basquete Cearense, Alberto Bial, assim que soube da notícia enviou uma mensagem parabenizando e dizendo que estava muito feliz por ele poder representar o país e o estado do Ceará no mundial. Para Davi Rossetto, a seleção brasileira tem condições de chegar a disputar o título. “A seleção da Eslovênia é a atual campeã, e pelos vídeos que já vi do último mundial, fica claro que ela será nosso maior desafio”, afirma.

Antes do embarque para Moscou, a equipe será treinada por Christiano Medeiros, do Vasco da Gama, no Ginásio da Fortaleza de São João, na Urca, zona sul do Rio de Janeiro, de 31 de maio a 3 de junho.

Seleção Brasileira Masculina

Gustavo Bracco (Equipe Instituto Drible Certo / SP)
1º do Ranking Brasileiro / 37 anos / 2,05m

Douglas Motta (Equipe Lendas / RJ)
4º do Ranking Brasileiro / 36 anos / 1,90m

Davi Rossetto (Equipe Basquete Cearense / CE)
9º do Ranking Brasileiro / 21 anos / 1,79m

Marcos Vinicius Inácio (Sociedade Esportiva Palmeiras / SP)
203º do Ranking Brasileiro / 29 anos / 2,05m

Basquete 3×3

Em junho, na Rússia, o Brasil estará disputando seu 2º Campeonato Mundial na categoria +18 feminina e masculina. A equipe feminina terá Simone Souza, Cristal Rocha, Marley Wyne e Flávia Santos. A competição terá a participação de 48 equipes, que utilizam critérios da Federação Internacional de Basketball (FIBA), para convocar seus atletas, obedecendo aos seguintes critérios: dois dos quatro atletas da equipe devem obrigatoriamente estar entre os dez primeiros colocados do ranking nacional, e todos os jogadores devem ter participado de no mínimo duas competições homologadas no sistema da FIBA, entre 5 de maio de 2013 e 5 de maio de 2014.

Forma de disputa

De acordo com o regulamento, as 24 seleções serão divididas em quatro grupos de seis, que jogam entre si nas suas respectivas chaves. Os quatro primeiros colocados de cada grupo de classificam para as oitavas de final. Os ganhadores disputam as quartas de final, semifinal e a final.

Recomendado para você