Clube da Luta

Sonnen cai no exame antidoping surpresa e não enfrenta Vitor Belfort no UFC 175

Sonnen foi pego no dopping!. Foto: UFC/Divulgação

Sonnen foi pego no dopping!. Foto: UFC/Divulgação

Nova reviravolta no UFC. Chael Sonnen não vai mais enfrentar Vitor Belfort no UFC 175. Isso porque o falastrão norte-americano foi flagrado no exame antidoping surpresa realizado pela Comissão Atlética de Nevada (NSAC). Sonnen testou positivo para anastrozol e clomifeno, substituídas proibidas no Ultimate. Diante disso, foi imediatamente cortado da luta contra o Belfort, dia 5 de julho, em Las Vegas.

A informação do doping de Sonnen foi confirmada pelo presidente da Comissão Atlética, Francisco Aguilar. “Funcionários do UFC já reconheceram as irregularidades no teste surpresa feito recentemente. Sonnen pensa em abordar o assunto nesta tarde”, revelou Aguilar, em entrevista ao site americano “ESPN”.

Antes desse caso, Sonnen já havia sido diagnosticado com hipogonadismo e fazia terapia de reposição de testosterona (TRT), antes do método ser banido do UFC, no início desse ano.

ENTENDA O CASO

Inicialmente, Sonnen enfrentaria Wanderlei Silva, no duelo dos técnicos da 3ª temporada do The Ultimate Fighter (TUF) Brasil, dia 31 de julho, no ginásio Ibirapuera, em São Paulo.

Sonnen e Wand rolam pelo chão e trocam socos em briga no UFC. Foto: Reprodução TV

Sonnen e Wand rolam pelo chão e trocam socos em briga no UFC. Foto: Reprodução TV

Depois de uma briga durante as gravações do reality show, a chefia do UFC decidiu transferir o combate foi transferido para Las Vegas, no dia 5 de julho. No último dia 28, Wanderlei foi cortado do combate, após faltar à realização de exames da Comissão Atlética. Logo após anunciar o corte, o UFC informou que Belfort seria o substituto.

O curioso é que Belfort, até o momento, ainda não conseguiu licença para lutar em Las Vegas, Nevada. O atleta é adepto do TRT e teve que abrir mão do tratamento por conta da proibição do método no UFC.