Clube da Luta

Preparador físico de Ronaldo Jacaré fala sobre preparação de pupilo e Vitor Belfort x Chris Weidman

Ronaldo Jacaré e Rogério Camões | Foto: Fernando Azevedo

Ronaldo Jacaré e Rogério Camões | Foto: Fernando Azevedo

Um dos nomes mais conhecidos na preparação física de lutadores de MMA, Rogério Camões é treinador das fera Ronaldo Jacaré. O faixa-preta do UFC está próximo de disputar o cinturão dos médios e enfrenta Gegard Mousasi de olho na oportunidade. O brasileiro e o armênio fazem a luta principal do Ultimate, no dia 5 de setembro, em Connecticut (EUA). Rogerão falou sobre a mudança de data do combate de Jaca (anteriormente estava marcada para o dia 2 de agosto) e do combate entre Vitor Belfort e Chris Weidman, válido pelo título até 84 kg.

– Estávamos há três semanas da luta e o Ronaldo estava com bom lastro já. Vimos que a luta adiou pela mídia, mas nós já estávamos sabendo de algo e prevendo que poderia mudar algo. Já tínhamos mudado alguma coisa em relação ao tempo. Sabíamos que a luta poderia virar o main event e estávamos trabalhando em cinco rounds. Então, na verdade, já tínhamos nos antecipado. O Jacaré já fez sparring de cinco rounds, rendeu muito bem nos cinco com uma pressão incrível. Agora, vamos diminuir um pouco o volume desse treinamento. Jacaré vai treinar um dia e descansar, para ele não virar fio, no sentido físico e psicológico.

A categoria dos médios terá uma nova disputa de cinturão entre Weidman e Belfort. Jaca está próximo de uma disputa, mas o UFC preferiu colocá-lo para enfrentar Mousasi. Para Rogerão, o veterano brasileiro mereceu a chance de lutar pelo título.

– É o verdadeiro lutador que tem que estar nessa luta. Vem fazendo um trabalho maravilhoso, é um cara experiente e antigo. Acho que a oportunidade tem que ser dada para ele. O Jacaré está na cabeça. Mas pela hierarquia, acho tem que ser o Vitor. Eu vejo o Belfort atropelando o Weidman. Conheço ele desde o início da carreira e sei que pode massacrar e ganhar o cinturão.

Recomendado para você