Clube da Luta

Campeão Marlon Moraes quer quebrar invencibilidade de adversário no WSOF 18: ‘Vou dar meu sangue’

Marlon é um dos melhores pesos-galos do mundo | Foto: Divulgação/WSOF

Marlon é um dos melhores pesos-galos do mundo | Foto: Divulgação/WSOF

Com 13 vitórias em 18 lutas, Marlon Moraes virou a nova sensação do MMA, após os resultados positivos dentro do cage e a conquista do cinturão do World Series Of Fighting (WSOF) em 2014. A agressividade, a trocação afiada e o jiu-jitsu perigoso formam o jogo completo do peso-galo, que já se configura na lista dos melhores atletas da divisão. O carioca de Nova Friburgo defende pela segunda vez o título da categoria até 61 kg, contra Josh Hill, nesta quinta-feira, 12, em Edmonton, Canadá.

Nas vésperas do importante momento, o Blog Clube da Luta conversou com o atleta. Marlon vem embalado de uma sequencia de oito vitórias – seis no WSOF – e tem se destacado pela forma agressiva de lutar. Chutes baixos, trocação e duelo movimentado. Essa é a trilha dos combates do carioca. Em seu 19º duelo da carreira, ele tem pela frente Josh Hill, canadense invicto com dez lutas.

+ Próximo de defender título pela 2ª vez, Marlon Soares tem motivação extra

“Estou num momento muito bom da minha carreira, consegui conquistar o cinturão do WSOF. O Josh Hill é um wrestler que gosta de trocar em pé também, é um atleta duro. Está acostumado a lutas duras. É um canadense que participa da primeira disputa de cinco rounds da carreira. Estou pronto para ele. Sei o que ele pode fazer, o que eu posso fazer, principalmente. Estou indo lá para fazer o meu melhor e trazer mais uma vitória para o Brasil”, disse Marlon.

Faixa-preta de muay thai e faixa-marrom de jiu-jitsu, Marlon tem dificultado o jogo para seus adversários. Com 26 anos, o promissor lutador já recebeu diversos elogios da crítica especializada e há três anos não sabe o que é derrota. “Em minha opinião, tem vários atletas duros no peso-galo. Mas, me colocaria, com certeza, no top 5 da categoria”, afirma.

Marlon em ação no WSOF | Foto: divulgação/WSOF

Marlon em ação no WSOF | Foto: divulgação/WSOF

Amizade com Edson Barboza e treinos com Frank Edgar
O estilo agressivo de Marlon no cage, com chutes baixos certeiros, lembra bastante o atleta do UFC, Edson Barboza. Não é a toa. Os dois são amigos e companheiros de treino. Nascidos em Nova Friburgo, eles treinavam juntos no Brasil. Depois, o peso-leve do Ultimate agarrou a oportunidade e foi morar nos Estados Unidos, a procura de treinos de alto nível. Em seguida, ele convidou o amigo Moraes para treinar na equipe Ricardo Almeida Jiu-Jitsu / Valor Martial Arts.

“O Edson Barboza teve a oportunidade de vir para os Estados Unidos e abriu as portas para eu vir também. Sou muito grato por isso. Hoje, estou aqui lutando no WSOF, representando o Brasil e realizando o meu sonho de viver do meu esporte”.

Marlon com o cinturão da organização | Foto: arquivo pessoal

Marlon com o cinturão da organização | Foto: arquivo pessoal

Além de Edson, Marlon passou a ter outro importante parceiro de treino: Frank Edgar – ex-campeão peso-leve do UFC e atual peso-pena. “Os treinos são maravilhosos, não sei nem o que falar, são muito duros. O que a gente vive no dia a dia de treino com o Frank e o Edson, com certeza, nos deixam prontos para qualquer luta. Vou dar meu sangue no cage pelo meu país, pelos meus amigos e pela minha cidade Nova Friburgo”, explica o lutador.

UFC
Destaque no WSOF, Marlon passou a ser especulado no maior evento de artes marciais mistas. O cinturão do evento aumentou ainda mais as especulações sobre o futuro do brasileiro no UFC. “Tenho o sonho de lutar no UFC, mas estou feliz no WSOF. Espero fazer muitas lutas aqui para a galera que curte o MMA. Sempre levando ação para dentro do cage. Se um dia acontecer, acontecerá. Hoje, meu sonho é manter o cinturão e continuar fazendo boas lutas”.

Leia também:

+ Ronda Rousey exibe boa forma em ensaio para revista

+ Georges St. Pierre evitar falar de Spider, mas critica sistema antidoping: ‘é uma trapaça’

+ Minotauro é o novo treinador do TUF 4; Anderson Silva é cortado

Recomendado para você