Clube da Luta

Cearense Viviane Sucuri vence prêmio como melhor lutadora peso-palha feminino do Brasil em 2015

971 1
 Viviane Sucuri tem 22 anos e é atleta da equipe Dragon Kombat. Foto: FCO Fontenele/O POVO


Viviane Sucuri tem 22 anos e é atleta da equipe Dragon Kombat. Foto: FCO Fontenele/O POVO

No ano em que fez história ao se tornar a primeira atleta cearense a conquistar um título mundial de MMA, Viviane Sucuri teve o seu talento reconhecido. A fera da equipe Dragon Kombat foi escolhida como a melhor lutadora peso-palha feminino no Prêmio Nocaute na Rede – Melhores do MMA Nacional em 2015, promovido pelo site Nocaute na Rede.

A eleição ocorreu por meio de votação com um jurí formado por jornalistas especializados em artes marciais de todo o território nacional, além do voto popular, em enquete realizada no site Nocaute na Rede.

Com apenas 22 anos, Sucuri tem apenas três carreiras de carreira, mas ostenta um cartel invicto de 10 lutas e 10 vitórias. Em 2015, a cearense, natural de Tauá e que treina na equipe Dragon Kombat, lutou três vezes, pelo Xtreme Fight Champinships (XFC). Em março, derrotou a paranaense Liana Ferreira Pirosin pela semifinal do XFC.

Em julho, deu um passo imporatante ao derrotar por decisão unânime a finlandesa Vuokko Katainen e faturar o título do GP. No dia 28 de novembro, a cereja do bolo: finalizou a paulista Vanessa Guimaraes, a Vanessinha, e conquistou o cinturão mundial da categoria peso-palha do XFC.

O Prêmio Nocaute na Rede – Melhores do MMA Nacional em 2015 teve ainda outros dois cearenses indicados a votação popular entre os cinco melhores de suas categorias: Rosy Duarte, na categoria peso-mosca feminino, e Alisson Barbosa, peso-pena masculino.

Confira a lista dos vencedores do Prêmio Nocaute na Rede:

CATEGORIA PESO-MOSCA: Bruno “The Talent” Menezes

CATEGORIA PESO-GALO: Maike Linhares

CATEGORIA PESO-PENA: Guilherme Faria

CATEGORIA PESO-LEVE: Eric Parrudo

CATEGORIA PESO MEIO-MÉDIO: Márcio “Pedra” Santos

CATEGORIA PESO-MÉDIO: André Lobato

CATEGORIA PESO MEIO-PESADO: Dirlei “Mão de Pedra” Broenstrup

CATEGORIA PESO PESADO: Bruno Cappelozza

CATEGORIA PESO-PALHA FEMININO: Viviane Pereira

CATEGORIA PESO-MOSCA FEMININO: Poliana Botelho

MELHOR TREINADOR: Diego Lima

MELHOR EQUIPE: Chute Boxe (Foto: Reprodução/Facebook)

MELHOR PODCAST: Sexto Round (Foto: Reprodução/Twitter)

MELHOR RING GIRL: Dai Macedo (Foto: Reprodução/Facebook)