Clube da Luta

VÍDEO: Thominhas sofre duro nocaute para Cody Garbrandt no UFC; Renan Barão também é derrotado

Americano não deu chances para Thominhas e deu show na trocação. Foto: UFC/Divulgação

Americano não deu chances para Thominhas e deu show na trocação. Foto: UFC/Divulgação

Uma noite trágica para os brasileiros no UFC. Na edição realizada neste domingo, em Las Vegas, nos Estados Unidos, quatro brasileiros entraram em ação e todos saíram do octógono com derrotas.

A decepção maior ficou para Thomas Almeida. Até então invicto, com uma sequência de 21 lutas e 21 vitórias, ele acabou sofrendo uma derrota avassaladora por nocaute para Cody Garbrandt na luta principal da noite.

Com um boxe afiado e veloz, o americano não deu chances para Thominhas, que ficou acuado, sentiu os golpes e acabou nocauteado aos 2 minutos e 53 segundos do 1º round. Veja como foi, no vídeo que mostra ainda o anúncio da vitória de Garbrandt:

[youtube]https://youtu.be/q9zCRD9qfaw[/youtube]

Na co-luta principal da noite, mais uma decepção para o Brasil: Renan Barão não lutou e acabou derrotado pelo americano Jeremy Stephens. O ex-campeão dos pesos-galos, que fazia sua estreia nos pesos-penas do UFC, foi dominado na trocação e perdeu por decisão unânime dos juízes, após 15 minutos de combate.

Ainda no card principal, o catarinense Vitor Miranda, que vinha em boa fase, acabou tendo sua sequência de triunfos interrompida com uma derrota para o americano Chris Camozzi, que faturou a vitória por decisão unânime dos juízes.

Para completar a noite de notícias ruins para os brasileiros, Alberto Uda, que lutou no card preliminar, foi nocauteado por Jake Collier, após sofrer uma sequência de golpes no início do 2º round.

Confira os resultados do “UFC: Almeida x Garbrandt”: 

Card principal
Cody Garbrandt venceu Thomas Almeida por nocaute aos 2m53s do R1° round
Jeremy Stephens venceu Renan Barão por decisão unânime (triplo 29-28)
Rick Story venceu Tarec Saffiedine por decisão unânime (29-28, 30-27 e 29-28)
Chris Camozzi venceu Vitor Miranda por decisão unânime (triplo 30-27)
Lorenz Larkin venceu Jorge Masvidal por decisão dividida (29-28, 28-29 e 29-28)
Paul Felder venceu Josh Burkman por decisão unânime (triplo 29-28)

Card preliminar
Sara McMann venceu Jessica Eye por decisão unânime (triplo 30-27)
Abel Trujillo venceu Jordan Rinaldi por decisão unânime (triplo 29-28)
Jake Collier venceu Alberto Uda por nocaute técnico a 1m06s do 2° round
Erik Koch venceu Shane Campbell por finalização aos 3m02s do 2° round
Bryan Caraway venceu Aljamain Sterling por decisão dividida (29-28, 28-29 e 29-28)
Adam Milstead venceu Chris de la Rocha por nocaute técnico aos 4m01s do 2° round

Recomendado para você