Clube da Luta

VÍDEO: Claudinha Gadelha perde para Jedrzejczyk e deixa escapar o cinturão dos pesos-palhas do UFC

Gadelha foi mais contundente nos golpes. Foto: UFC/Divulgação

Gadelha foi mais contundente nos golpes. Foto: UFC/Divulgação

Ainda não foi dessa vez que o Brasil viu uma mulher conquistar, pela primeira vez, conquistar o título do UFC. Na disputa do cinturão dos pesos-palhas feminino, a potiguar Claudinha Gadelha acabou derrotada pela polonesa e ainda campeã Joanna Jedrzejczyk, na noite desta sexta-feira, 8, em Las Vegas, na edição que marcou a final da 23ª edição do The Ultimate Fighter (TUF).

Foi uma batalha intensa e eletrizante que durou 25 minutos. Mas no fim, prevaleceu quem mostrou mais preparo físico, contundência nos golpes e soube administrar melhor os pontos conquistados, confirmando a vitória por decisão unânime dos juízes (48-46, 48-45 e 48-46). Ao fim do duelo, o público aplaudiu de pé as duas lutadoras.

A brasileira ainda conseguiu executar bem sua estratégia, de tentar levar a luta pra baixo nos primeiros rounds, mas aos poucos viu seu gás ser minado, enquanto a polonesa parecia mais inteira no combate. Joanna conseguiu manter a luta em pé e conseguiu conectar boas combinações de chutes e socos, além de ter administrado bem a distância para a adversária.

Com o resultado, o Brasil segue sem nenhum atleta campeão no UFC, que possui um total de 10 organizações. Neste sábado, José Aldo (que disputa o cinturão interino dos pesos-penas) e Amanda Nunes (que luta pelo título dos pesos-galos feminino) tentam mudar essa história, na disputa da edição histórica do UFC 200, também em Las Vegas.

Confira alguns lances da luta entre Gadelha x Jedrzejczyk e o anúncio da vitória da polonesa.

Apesar da derrota de Gadelha, a noite não deixou de ser positiva para os brasileiros. Outros cinco representantes do País entraram em ação. Três saíram vitoriosos. No card principal, Netto BJJ venceu Andrew Holbrook por nocaute técnico. Já no preliminar, Matheus Nicolau derrotou John Moraga por decisão dividida. E Cezar Mutante, campeão do TUF Brasil 1, derrotou Anthony Smith por decisão unânime dos juízes. As derrotas ficaram por conta de Thiago Tavares, que perdeu por nocaute para Doo Ho Choi, e Fernando Açogueiro, que foi superado por Gray Maynard, por decisão unânime.

Netto BJJ nocauteou e foi o grande destaque da noite brasileira. Foto: UFC/Divulgação

Netto BJJ nocauteou e foi o grande destaque da noite brasileira. Foto: UFC/Divulgação

Confira todos os resultados do TUF Finale 23
CARD PRINCIPAL
Joanna Jedrzejczyk derrotou Claudia Gadelha por decisão unânime (48-46, 48-45, 48-46)
Andrew Sanchez derrotou Khalil Rountree por decisão unânime (30-25, 30-25, 30-26)
Tatiana Suarez derrotou Amanda Cooper por finalização no primeiro round
Will Brooks derrotou Ross Pearson por decisão unânime (triplo 29-28)
Doo Ho Choi derrotou Thiago Tavares por nocaute no primeiro round
Netto BJJ derrotou Andrew Holbrook por nocaute técnico no primeiro round

CARD PRELIMINAR
Gray Maynard derrotou Fernando Açougueiro por decisão unânime (triplo 30-27)
Matheus Nicolau derrotou John Moraga por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28)
Joshua Stansbury derrotou Cory Hendricks por decisão majoritária (29-27, 29-27, 28-28)
Cezar Mutante derrotou Anthony Smith por decisão unânime (triplo 29-28)
Kevin Lee derrotou Jake Matthews por nocaute técnico no primeiro round
Li Jingliang derrotou Anton Zafir por nocaute no primeiro round

Recomendado para você