Clube da Luta

VÍDEO: em luta dura de cinco rounds, Conor McGregor vence Nate Diaz por decisão majoritária no UFC 202

McGregor foi mais consistente e saiu vitorioso. Foto: UFC/Divulgação

McGregor foi mais consistente e saiu vitorioso. Foto: UFC/Divulgação

A noite era de revanche. E dessa vez, o irlandês se deu melhor. Pelo menos na opinião dos juízes, que marcaram vitória por decisão majoritária para Conor McGregor, no duelo contra o americano Nate Diaz, na luta principal do UFC 202, disputado na noite deste sábado, em Las Vegas. Foram cinco rounds de muita trocação, alternância de bons momentos para os dois atletas, mas o fato é que ninguém sobrou no octógono, ao ponto de fazer com que um dos juízes visse empate no combate. Os outros dois árbitros anotaram vitória do irlandês por 48-47.

Com o triunfo, McGregor sentiu o gosto da vingança e se recupera da derrota sofrida para Diaz, no primeiro combate entre eles, em março deste ano, quando o americano venceu por finalização (mata-leão) no final do 2º round. Após duas lutas seguidas na divisão dos meio-médios (até 77kg), a tendência agora é que McGregor volte a sua categoria de origem, a dos pesos-penas, e defende o seu cinturão contra o brasileiro José Aldo, também em caráter de revanche.

Veja o momento do anúncio do resultado. McGregor comemorou a vitória soltando “O rei está de volta”. Veja:

Confira os resultados do UFC 202:
Conor McGregor venceu Nate Diaz por decisão majoritária dos juízes
Anthony Johnson venceu Glover Teixeira por nocaute aos 13s do 1° round
Donald Cerrone venceu Rick Story por nocaute técnico aos 2m02s do 2° round
Mike Perry venceu Hyun Gyu Lim por nocaute técnico aos 3m38s do 1° round
Tim Means venceu Sabah Homasi por nocaute técnico aos 2m56s do 2° round

CARD PRELIMINAR
Cody Garbrandt venceu Takeya Mizugaki por nocaute técnico aos 48s do 1° round
Raquel Pennington venceu Elizabeth Phillips por decisão unânime (triplo 30-27)
Artem Lobov venceu Chris Avila por decisão unânime (triplo 30-27)
Cortney Casey venceu Randa Markos por finalização aos 4m34s do 1° round
Lorenz Larkin venceu Neil Magny por nocaute técnico aos 4m08s do 1° round
Colby Covington venceu Max Griffin por nocaute técnico aos 2m18s do 3° round
Marvin Vettori venceu Alberto Uda por finalização aos 4m30s do 1° round

Recomendado para você