Clube da Luta

Coluna Clube da Luta: ex-UFC, cearense Caio Magalhães estreia nesta sexta-feira no M-1 Global, na Rússia

/clubedaluta/2017/05/26/coluna-clube-da-luta-ex-ufc-cearense-caio-magalhaes-estreia-nesta-sexta-feira-no-m-1-global-na-russia/
646 Seja o primeiro a comentar

Caio tem 29 anos e um cartel de 9-3 no MMA. (Sara Maia/O POVO)

Caio Magalhães quer escrever uma nova história no mundo das lutas. Após deixar o UFC (onde atuou entre 2012 e 2016), o atleta cearense quer provar que ainda pode lutar em alto nível e figurar entre os melhores pesos-médios do planeta. Hoje (sexta-feira, dia 26 de maio), ele faz seu primeiro combate do contrato que assinou com o M-1 Global. Em sua estreia na organização de MMA russa, ele enfrenta o bielorrusso Dmitry Voitov, de 31 anos. Para fazer bonito em sua nova casa, Caio ‘Monstro’ passou os últimos meses em Danbury, nos Estados Unidos, treinando na academia do lutador meio-pesado Glover Teixeira (que, por sinal, luta no domingo contra Alexander Gustafsson, no UFC Estocolmo, na Suécia).

Encarada entre os atletas na pesagem. Foto: Arquivo Pessoal

Com sede de vitória, o cearense – pupilo do mestre Guilherme Santos, líder da Nova União Ceará – quer reabilitar das últimas derrotas que sofreu, para Brad Tavares e Josh Samman, ambas no UFC, e emplacar a 10ª vitória de sua carreira. Conversei com Caio, que se mostrou bem animado para a luta de hoje. “Preciso reformar o meu cartel e reencontrar o caminho das vitórias. A preparação foi show de bola. Estou pronto para amolar os beiços do meu adversário; 2017 será o meu ano”, falou o atleta, hoje com 29 anos. O seu oponente é um veterano do MMA. Com 31 anos, já fez 21 lutas, com 15 vitórias e 6 derrotas. O evento de hoje, o M1 Challenge 78, será realizado em Orenburg, na Rússia, e terá transmissão ao vivo pelo canal Band Sports a partir do meio-dia e meia.

PEPEY DE VOLTA
Recuperado de lesão no nariz, que frustrou seus planos de lutar no UFC Fortaleza, em março deste ano, o peso-pena cearense Godofredo Pepey foi confirmado esta semana no card do UFC Long Island (EUA), marcado para o dia 22 de julho. Ele terá pela frente uma pedreira: o americano Shane Burgos, invicto no MMA, com um cartel de 9 vitórias em 9 lutas. Com 13 vitórias em 17 lutas profissionais, Pepey vem de uma sequência de quatro vitórias em suas últimas cinco lutas. Na última vez em que lutou, em setembro do ano passado, o cearense derrotou o americano Mike de La Torre por finalização, no UFC Brasília. Radicado em Curitiba, Pepey vem treinando forte com sua equipe, a Evolução Thai, em busca de mais um bônus de desempenho da noite.

*Reprodução da coluna Clube da Luta publicada no jornal O POVO nesta sexta-feira, 26 de maio de 2017.

Recomendado para você