Clube da Luta

UFC 229: Khabib finaliza Conor McGregor, mantém cinturão e luta termina com confusão e pancadaria

Momento em que Khabib confirma a vitória por finalização. Foto: UFC/Divulgação

Tinha tudo para ser uma noite histórica, daquelas que o fã de MMA se lembraria por muito tempo, por duelos emocionantes, de alto nível e com público delirando a cada vitória. Mas o UFC 229, disputado entre a noite de sábado (6) e a madrugada deste domingo (7)  teve um desfecho lamentável após o término da luta principal: brigas, invasões no octógono e pancadaria.

Na luta propriamente dita (onde tudo deveria ser resolvido), o russo Khabib Nurmagomedov teve uma atuação segura, controlou as ações, deu show de estratégia e venceu o irlandês Conor McGregor ao conseguir uma finalização aos 3 minutos 3 segundos do 4° round. Um momento de êxtase e explosão para Khabib, que, com os nervos à flor de pele, pulou para fora do octógono para dar início a uma confusão generalizada, indo para cima de integrantes da equipe de McGregor. A cena gerou corre-corre, empurra-empurra e houve invasão de pessoas ao octógono, que partiram para cima de McGregor, desferindo socos no irlandês. A briga foi geral e os seguranças da T-Mobile Arena tiveram dificuldade para acalmar os ânimos.

Com o clima bastante tenso e o público em polvorosa, McGregor deixou o octógono após forte escolta. O mesmo ocorreu, minutos depois, com Khabib que, diante do cenário criado, deixou a área de lutas sem receber o cinturão dos pesos-leves (que ele manteve) e sem ter o seu braço erguido como vencedor da luta. Durante certo tempo, o campeão precisou ser acalmado por membros do seu staff e colegas de equipe como Luke Rockhold e Daniel Cormier. Dana White, presidente do UFC, também conversou com o russo e pediu que ele deixasse a arena, sem cinturão, de modo a garantir sua integridade física. Sob forte escolta e com muitas reações animosas do público, Khabib foi para o vestiário sem o cinturão. Logo em seguida, o announcer do UFC Bruce Buffer confirmou o resultado da luta, confirmando a vitória do russo e a manutenção do título.

Na coletiva de imprensa após o evento, Khabib Nurmagomedov agiu de cabeça quente por tudo que passou durante a semana, relatando ter recebido provocações e ofensas a ele, sua família e seu País.

Para além da luta entre Khabib x McGregor, o UFC 299 teve uma luta insana e eletrizante em Tony Ferguson e Anthony Pettis, com vitória de Ferguson do 2º para o 3° round. Já o peso-pesado Derrick Lewis protagonizou um nocaute que levantou o público. E os brasileiros que estiveram em ação se deram bem: Jussier Formiga e Vicente Luque venceram suas lutas com propriedade.

Confira os resultados do UFC 229:

CARD PRINCIPAL
Khabib Nurmagomedov venceu Conor McGregor por finalização aos 3m03s do 4° round
Tony Ferguson venceu Anthony Pettis por nocaute técnico aos 5m00s do 2° round
Dominick Reyes venceu Ovince St-Preux por decisão unânime (triplo 30-27)
Derrick Lewis venceu Alexander Volkov por nocaute aos 4m49s do 3° round
Michelle Waterson venceu Felice Herrig por decisão unânime (30-26, 29-28, 30-27)

CARD PRELIMINAR
Jussier Formiga venceu Sergio Pettis por decisão unânime (30-26, 29-28, 29-28)
Vicente Luque venceu Jalin Turner por nocaute aos 3m52s do 1° round
Aspen Ladd venceu Tonya Evinger por nocaute técnico aos 3m26s do 1° round
Scott Holtzman venceu Alan Nuguette por nocaute aos 3m42s do 3° round
Yana Kunitskaya venceu Lina Lansberg por decisão unânime (triplo 30-27)
Nik Lentz venceu Gray Maynard por nocaute a 1m19s do 2° round
Tony Martin venceu Ryan LaFlare por nocaute a 1m00s do 3° round

Recomendado para você