Cotidiano e Fé

Nós, mídias alternativas

135 3

Você já reparou a quantidade de propagandas diretas e indiretas ao seu redor? Por onde a gente anda se depara com muitos anúncios, seja dentro do ônibus, nas ruas e até nos aviões. Logo cedo da manhã, ao chegar ao trabalho ou à escola, mesmo que não tenha ligado a TV ou lido o jornal, você já foi exposto a diversos tipos de comunicação.

Na publicidade chamamos isso de “mídia alternativa”, ou seja, aquela propaganda que não está nos veículos tradicionais de comunicação (rádio, jornal, televisão, etc.). E a criatividade da “turma das agências” não tem limite mesmo, até um elevador com espaço tão limitado pode passar uma mensagem com criatividade (e eu não estou falando daqueles monitores que ficam dentro! E alguns deles, hein?!).

Foi exatamente isso que pensaram as pessoas por trás da campanha acima. Esse anúncio, criado para divulgar o lançamento do filme Superman é considerado um caso de sucesso quando se trata de mídia alternativa. É fato que a campanha em questão é muito criativa e pertinente, mas o diferencial que faz dela uma referência nesse tema é, exatamente, o fator “inusitado”. A grande “sacada” foi intervir no cotidiano das pessoas para se fazer visto e, posteriormente, consumido.

A Bíblia registra, em Salmos 19:1, que “Os céus declaram a glória de Deus; o firmamento proclama a obra das suas mãos”. Penso que se fosse traduzir uma passagem como essa para os termos publicitários diria que “os céus e o firmamento são mídias tradicionais e nós, mídias alternativas”.

Pense comigo: basta ligar o televisor para ser exposto a propagandas das mais diversas marcas; da mesma forma, basta olhar a criação para perceber o dedo do Criador. Faz parte dos nossos hábitos de consumo acessar veículos de comunicação; da mesma forma deve ser parte do nosso comportamento habitual contemplar as maravilhas de Deus.

É por estar evidente (embora intangível) ao meu redor que, mesmo que alguém nunca tivesse falado do amor de Deus para mim, eu teria como percebê-lo. Entretanto, Jesus se faz muito mais evidente (e, desta vez, tangível), quando alguém intervém no meu dia-a-dia e age como Ele, ama como Ele, toca como Ele, fala como Ele. O sucesso dessa “ação” se dá exatamente pelo “inusitado”, como na mídia alternativa. Num mundo de tanta indiferença e intolerância, receber amor e uma palavra de ânimo muda tudo. Precisamos ser uma intervenção divina na vida das pessoas.

E você? É uma mídia alternativa? “Com isso todos saberão que vocês são meus discípulos, se vocês se amarem uns aos outros.” João 13:35