Discografia

O reggae do Natiruts sob as bênçãos do Redentor

Muita coisa mudou no Natiruts de 1996 pra cá. Da formação completa, que contava com a bela Izabella (perdão pelo trocadilho), hoje só restaram Alexandre Carlo (voz e violão) e Luis Maurício (baixo). Algumas desavenças aconteceram no percurso, mas, segundo Alexandre, o tempo ajudou a resolver tudo e a nova formação mantém viva a história de uma das bandas de reggae mais populares do Brasil.

E é com esse clima de paz e amor, que o Natiruts está lançando um projeto de CD e DVD acústico. Gravado no mirante Dona Marta, um pedaço privilegiado do Rio de Janeiro, o show Natiruts Acústico traz novas e ótimas versões para 20 canções da banda. Para completar a seleção, eles trouxeram a inédita Supernova e convidaram o grande Luiz Melodia para um dueto em Pérola negra. Além do Negro Gato, também marcam presença a argentina Sonia Savinell (Sorri, sou rei) e da brasiliense Flora Matos (Natiruts Reggae Power/Esperar o Sol).

A participação de Melodia no disco acaba fazendo uma conexão do Natiruts com o Dub Tropical, projeto paralelo de Alexandre Carlo ainda em fase de montagem. “São releituras de clássicos da MPB em versão dub. A ideia é ser bem minimalista. Baixo, bateria, guitarra e um produtor de dub, provavelmente o Mad professor”, revela Alexandre por telefone.

Mas, voltando ao disco acústico, a banda, mesmo com tantas mudanças, soube preservar as características que marcavam seu som. Ainda está ali o reggae, com uma mão forte do pop e do soul. A seleção de músicas vai desde Liberdade pra dentro da cabeça, uma das primeiras, até as mais recentes. Nesse meio está uma pérola que passou batido, Au de cabeça, cheia de suingue e boas energias.

Cheio de filosofias e positividade, típico do reggae, a apresentação acústica do Natiruts combina arranjos ricos – que usam acordeão, flautas, piano e marimba – com as belezas da capital carioca. Aliás, o show parece propaganda do Governo do Estado, tamanha a exploração do cenário. Mas, fazer o que? O Rio de Janeiro continua mesmo lindo.