Discografia

Banco do Brasil Covers traz três shows a Fortaleza em outubro

Foto: Cristina Granato

Fotos: Cristina Granato

Uma vontade de mergulhar na música brasileira e de sentir prazer nesse mergulho. Assim Monique Gardenberg, da Dueto Produções, explica o a ideia do Banco do Brasil Covers. Projeto destacado do Circuito Cultural Banco do Brasil, a proposta é apresentar artistas homenageando, recriando, interpretando a obra dos seus ídolos. Pela primeira vez chegando a Fortaleza – entre os dias 5 e 7 de outubro, no Siará Hall –, os shows programados para esta turnê, que vai passar por cinco cidades, são Maria Gadu cantando Cazuza, Zeca Baleiro cantando Zé Ramalho e um tributo aos Beatles feito por um time estelar de representantes do rock nacional oitentista.

Reunidos na coletiva realizada no Centro Cultural Banco do Brasil do Rio de Janeiro, os convidados falaram sobre orgulho, diversão e desafios para dar voz aos seus heróis. É o caso, por exemplo, do produtor e músico Liminha, convidado para pilotar o time que vai cantar Beatles. A super-banda será formada por João Barone (Paralamas do Sucesso), Toni Platão (solo e ex-Hojerizah), Leoni e Dado Villa-Lobos (solo e ex-Legião Urbana), e ainda vai contar com participações de Sandra de Sá, André Frateschi, Marjorie Estiano e Paulo Miklos (Titãs). “O mais bacana é que eu ainda estou fazendo a coisa que eu mais gosto, que é tocar baixo. Estamos dizendo que é um Beatles com pressão”, adianta o produtor.

Revelando que ainda não começou a ensaiar, Maria Gadu, que também pensou em cantar a obra de Renato Russo ou Adoniran Barbosa, comenta a escolha por Cazuza. “Não sei por que o Cazuza. Talvez por que tenha sido o que menos cantei. E o Cazuza é desafiador”. Apesar de ser parceiro e já ter cantado com o paraibano, Zeca Baleiro também adianta que não começou os ensaios para sua apresentação. Mas mantém em segredo a abertura que já tem em mente. “Vou tentar contemplar todas as fases, buscar os lados Bs e algumas parcerias”, comenta o músico, que também cogitou nomes como Walter Franco, Luiz Melodia ou Martinho da Vila. “(Dos homenageados deste ano) O Zé é o único que pode ser notificado (do tributo). Mas acho que ele gosta de mim e vai gostar da homenagem”, brinca.

DSC_1676  Leoni , João Barone , Toni Platão , Dado-Villa Lobos e Liminha  - COVERS - Agosto 2013 - Foto CRISTINA GRANATO .Iniciado em 2011, o Banco do Brasil Covers promoveu três disputadas apresentações no ano passado: Lulu Santos cantando Roberto e Erasmo Carlos (que, inclusive, rendeu um disco), Sandy cantando Michael Jackson, e Maria Bethânia cantando Chico Buarque. “O artista tem essa dádiva se não morrer nunca. Me sinto feliz de fazer parte da eternidade do Cazuza”, comenta Maria Gadu, que adiantou sua leitura para Todo amor que houver nessa vida no vídeo institucional do projeto. E para Liminha, o maior prazer está em se debruçar sobre uma história, que também é meio sua. “Tinha 11 anos, quando os Beatles surgiram e acompanhei cada lançamento. Estamos conseguindo botar uma pegada forte e também uma personalidade. Dá até pena fazer só cinco shows”.

Serviço:
Banco do Brasil Covers
Onde: Siará Hall (Av. Washington Soares, 3199 – Edson Queiroz)
Quando: Zeca Baleiro canta Zé Ramalho (05/10); Dado Villa-Lobos, Leoni, Toni Platão, João Barone, Liminha e convidados (06/10); Maria Gadu canta Cazuza (07/10)
Ingressos: pré-venda de 3 a 6 de setembro, pelo site www.bilheteriavirtual.com.br. Vendas regulares à partir do dia 9 de setembro
Quanto: entre R$ 40 e R$ 140
Outras informações: bb.com.br/bbcovers