Discografia

Estante de Discos: os novos singles da Maloca

Soledad lança single na Maloca

A Maloca Dragão vai ser palco para importantes lançamentos de música. Um deles é De Manhã, Logo Cedo, de Soledad. Composição do capixaba Juliano Gauche, o single produzido por Daniel Ganjaman traz uma crônica íntima dos novos tempos. “O universo dessa música é completamente novo pra mim, um desafio que me coloquei, desde a maneira de cantar até a pegada mais moderna da direção de arte”, comenta a cearense radicada em São Paulo. Com sonoridade mais pop e roqueira, o single apresentado com exclusividade ao DISCOGRAFIA sugere caminhos para o segundo disco de Soledad. Outro lançamento da Maloca é Seu Amor, single que também apresenta uma mudança de percurso do terceiro disco de Daniel Groove. Produzida pelo saudoso Carlos Eduardo Miranda e Klaus Sena, a faixa faz uma homenagem ao guitarrista Rodrigo Gondim, ex-O Sonso falecido há 10 anos. No oposto das baladas delicadas de Romance Pra Depois (2016), Seu Amor tem clima discoteque puxado numa bateria bem marcada e no riff de guitarra.

Tribalistas em Vinil

Já em pré-venda, os Tribalistas lançam na próxima semana seus dois discos em LP. Quinze anos após o mega estouro de 2002, o trio formado por Marisa Monte, Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown voltou no ano passado com um novo trabalho que foi recebido friamente por público e crítica. Esse jogo deve virar a partir de julho, quando eles iniciam a primeira turnê nacional do trio. Em Fortaleza, a apresentação acontece em 11 de agosto no Centro de Formação Olímpica – ingressos já à venda, com valores entre R$75 e R$190. Já os LPs custam R$109,90 cada.

Leon Bridges, o herdeiro de Amy Wnehouse

Há três anos o cantor Leon Bridges colheu elogios com o álbum de soul e R&B Coming Home. Pegando o rumo aberto por Amy Winehouse de resgatar um som clássico dos artistas negros dos anos 1950 e 60, o norte-americano do Texas agora apresenta seu novo rebento. Good Thing será lançado deia 4 de maio, mas já teve três singles disponibilizados que apontam para uma atualização da proposta. Bad Bad News é a melhor, com um balanço elegante puxado pelo teclado vintage. Beyond e Bet Ain’t Worth the Hand cedem mais espaço para os sons radiofônicos atuais. Leon se apresenta no Brasil em maio.