Educação

Educação Integral

353 1

Levantamento da Unesco, divulgado no início do ano, colocava o Brasil entre os países onde as crianças passam menos tempo nas instituições de ensino – e, por consequência, recebem um aprendizado deficitário.

O sinal de alerta levou as autoridades a incluir na Lei de Diretrizes Básicas deste ano um conjunto de políticas de incentivo à educação em tempo integral nas escolas públicas.

A ideia é que ficando mais tempo na escola, crianças deixem as ruas, recebam alimentação adequada e se preparem melhor para o futuro.

Dentro do plano, a principal alavanca é o programa Mais Educação, do governo federal.

De 2008 até aqui, o número de escolas que aderiram ao Mais Educação saltou de 1.378 para mais de dez mil, atendendo a cerca de 3 milhões de estudantes.

Minha preocupação é que já existem escolas públicas em tempo integral. Qual o resultado? Alguém avalia para saber como estão? Será que os objetivos são alcançados? Enfim, nem novas ideias, nem novas soluções, nem nada. O que será da educação brasileira?

 Fonte: Revista Istoé (BR)