Educação

25% das mulheres sofreram violência na hora do parto

Pesquisa divulgada pela Fundação Perseu Abramo revelou que uma em cada quatro mulheres sofreu algum tipo de violência ao ser atendida durante o parto. Dessas, 74% ouviram a ofensa na rede pública.

Os dados são da pesquisa Mulheres Brasileiras e Gênero nos Espaços Públicos e Privados, feita em agosto do ano passado.

Em detalhes, a pesquisa indicou que uma em cada quatro mulheres entrevistadas ouviu algum tipo de violência verbal no momento do parto, como “não chora que, no ano que vem você está aqui de novo”; “na hora de fazer não chorou nem chamou a mamãe, por que está fazendo (isso) agora?”.

Também foi constatado que 10% das mulheres sentiram dor ao fazer o exame de toque, 10% tiveram negado o pedido de algum tipo de alívio para a dor e 9% responderam que foram ofendidas com gritos do atendente.

Fonte: Diário dos Campos (PR)