Educação

A cada 24h, nove crianças com menos de 1 ano de idade, filhos de adolescentes, morrem no Brasil

A taxa de mortalidade infantil preocupa especialistas: a cada 24h, nove crianças com menos de 1 ano, filhos de adolescentes, morrem no Brasil.

Em 2009, morreram 42.684 bebês – 20% deles eram filhos de meninas de 10 a 19 anos. Os dados fazem parte do Estudo sobre as políticas públicas de proteção à saúde infantil e materna no Brasil: um olhar especial para os filhos de mães adolescentes, divulgado pela ONG Visão Mundial, em Recife (PE).

 “Os números mostram que houve dupla violação. Tratam-se de mortes que não deveriam acontecer e da violação aos direitos das adolescentes”, afirmou a assistente social Neilza Costa, coordenadora técnica do estudo.

A pesquisa também traça o perfil das adolescentes grávidas: são de famílias de baixa renda, mais da metade são negras ou pardas e 49% estão no Norte e Nordeste do País.