Educação

Anvisa veta desenhos em rótulo de repelente infantil

Os repelentes infantis não poderão mais ter desenhos ou outras imagens de apelo para crianças em suas embalagens, segundo uma resolução aprovada ontem pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Hoje, é possível encontrar produtos com ilustrações de crianças brincando, de uma mãe segurando um ursinho e empurrando o carrinho do bebê, entre outros.

O objetivo da regra é evitar a intoxicação por crianças ao reduzir o apelo do produto para o público infantil e o uso indevido do repelente. A medida vale para substâncias naturais e para produtos que contêm DEET (dietiltoluamida), princípio ativo que pode causar irritação na pele e é tóxico se ingerido. A nova regra permite que os repelentes infantis sejam diferenciados daqueles de uso adulto por cores e frases.

A Anvisa também aprovou a inclusão de uma advertência para que grávidas e lactentes consultem o médico antes de utilizar o produto e a inserção do telefone para queixas sobre intoxicação.

Fonte: Folha de S. Paulo