Educação

Ministério terá mais recursos para gravidez de alto risco

O Ministério da Saúde publicou uma portaria prevendo investimentos de R$ 123 milhões por ano na implantação e na qualificação de serviços especializados em atendimento às gestantes de alto risco.

A ideia é ampliar a oferta de maternidades especializadas e beneficiar cerca de 390 mil mulheres em situação de risco. Atualmente, existem 196 maternidades de referência em gestação de alto risco.

A expectativa, com a nova portaria, é que o número dobre, chegando a 390. De acordo com o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, “a iniciativa vai permitir que a mulher e o bebê recebam os cuidados adequados desde o pré-natal até o pós-parto”.

Fonte: Extra