Educação

Obesidade e adolescência

Um estudo publicado no New England Journal of Medicine com mais de sete mil crianças dos Estados Unidos revelou que um terço das que estavam acima do peso adequado no jardim de infância eram obesas quando chegaram à oitava série.

Além disso, uma criança que é obesa no jardim de infância tem risco quatro vezes maior de ser obesa na adolescência do que uma criança com peso normal.

“A mensagem principal é que a obesidade se estabelece muito cedo na vida e continua na adolescência e na idade adulta”, afirma Ruth Loos, professora de medicina preventiva da Icahn School of Medicine, em Nova York, que não esteve envolvida com a pesquisa.

O resultado surgiu a partir da análise de um estudo que acompanhou crianças dos 5 aos 14 anos. Segundo os autores do estudo, os dados podem ajudar a reformular iniciativas de combate à obesidade infantil e sugerem que os esforços devem começar mais cedo.

Os resultados não explicam por que isso acontece. Predisposições genéticas e ambientes que estimulem as crianças a comerem mais são algumas das razões apontadas por especialistas.

Fonte: Folha de S. Paulo