Entre Aspas

Barulho vintage

jogos-para-celular-snake

Estava lendo uma reportagem sobre o fim do sonho da Refinaria Premium II aqui no Ceará e blá blá blá, quando eu ouvi um barulho estranho, muito estranho. O barulho rasgou como silencio que estava fazendo dentro do meu quarto. Tomei um susto, tinha detectado de onde vinha aquela zuada medonha, descobri, vocês não vão imaginar o que era, pois nem eu conseguia digerir o que os meus olhos-usando um pouco do clichê- que a terra ha de comer, viam.

O barulho ficou ainda maior, não queria me desconcentrar da minha leitura que estava entre a promessa que tinha ido por água abaixo. Eu não tinha ação para fazer mais nada, não conseguia acreditar que realmente era isso que estava fazendo tanto barulho: meu celular estava tocando, alguém queria falar comigo, aliás, queria muito falar, pois nesses tempos, nessa época, ligar para uma pessoa, só quando está precisando muito dela para alguma coisa, ou para vender algum plano de saúde ou funerário ou TV por assinatura ou algo mais. Eu me senti lisonjeado por receber uma ligação em pleno o domingo, um dia atípico para você receber ligações.

Mas o que realmente quero falar sobre isso, é que nesses tempos de whatsapp, de redes sociais, de pacotes de não sei o quê, de aplicativos, de tecnologia, receber uma ligação é um hábito vintage e trocar SMS então, é coisa de outro mundo. Com todos esses apetrechos, as pessoas estão esquecendo de ligar para os amigos, para dar uma boa noite, mandar um abraço, um durma em paz ou só para ouvir a voz da criatura mesmo, mas esses hábitos estão acabando, concorda comigo? Quantas vezes você liga para o seu amigo, não acha mais prático mandar um whats ou um talk, ou falar no face?

Tem-se várias formas de entrar em contato com o amigo, desde a cutucada no facebook ate a mensagem instantânea no whatsaap, mas porque não ligar? Por que ficar só nessas teclas, só nesses corretores ortográficos infernais? Nesse pacotes de internet limitados? Liga logo rapaz, é bom, tem um preço relativamente mais barato(eu acho), pois nada como você ouvir a voz da pessoa do outro lado da linha, ouvir o seu suspiro, ouvir seu choro, seus lamentos, sua presença humana, pois o que os separa, é somente uma rede de fios telefônicos, nos outros modos, ha uma barreira ainda maior, 3g,4g, wi-fi e o escambau que lhe impossibilita de entrar em contato com o outro.

Os loucos por internet e blá blá blá vão dizer que telefonar tem lá seus problemas, como a rede ocupada, as operadoras que às vezes não ajudam muito, mais isso são outros quinhentos. Quando atendi a ligação, foi uma loucura, minha amiga ao ouvir a minha voz tao empolgada no outro lado lá linha ficou estarrecida, lhe explique o motivo da minha euforia: eu estava recebido uma ligação  em pleno o domingo. Então pensei pra mim mesmo: nem tudo está perdido, ainda temos jeito! Ainda temos hábitos humanos,chega de tecnologia, às vezes cansa não acha?

 

 

 

 

 

 

 

 

Texto: Eduardo Sousa ||Imagem: Internet

 

 

Recomendado para você