Entre Aspas

[Cinema] Aceccine divulga a lista dos melhores curtas e longas-metragens de 2016

7ee5ca44533027-5815200028af6

Para os amantes do cinema, uma boa notícia, é que a Associação Cearense de Críticos de Cinema (Aceccine) anuncia os curtas e longas-metragens que mais se destacaram em 2016. Atualmente, a entidade é composta por 20 profissionais de cinema e audiovisual que atuam como críticos aqui no Ceará. A votação das cinco categorias foi realizada entre os dias 28 de dezembro e 07 de janeiro, em dois turnos.

Para os prêmios de melhor longa-metragem estrangeiro e brasileiro, os associados consideraram produções lançadas em circuito comercial no Ceará entre os dias 1º de janeiro e 31 de dezembro de 2016 e que permaneceram em cartaz pelo menos uma semana. Concorriam na categoria de melhor longa-metragem cearense os filmes que estrearam nas salas de cinema, no mesmo período, ou obras inéditas que tiveram uma primeira exibição pública no Ceará no decorrer do ano.

Os curtas-metragens também foram avaliados pelos associados. O critério para o prêmio de melhor curta brasileiro contemplava filmes, independente do ano de produção, que tiveram uma primeira exibição pública em mostras e festivais do Brasil em 2016. Já para os curtas cearenses, concorriam obras que tiveram uma primeira exibição pública no Ceará no mesmo período.

Melhores Filmes de 2016 segundo a Aceccine

Melhor Longa-metragem Estrangeiro:
“Elle” (França/Alemanha/Bélgica), de Paul Verhoeven

Melhor Longa-metragem Brasileiro:
“Aquarius”, de Kleber Mendonça Filho

Melhor Longa-metragem Cearense:
“Clarisse ou Alguma Coisa Sobre Nós Dois”, de Petrus Cariry

Melhor Curta-metragem Brasileiro:
“Estado Itinerante” (MG), de Ana Carolina Soares

Melhor Curta-metragem Cearense:
“Janaína Overdrive”, de Mozart Freire

Prêmio Especial de Contribuição Artística:
Concedido ao cineasta Rosemberg Cariry pelos 20 anos de lançamento de “O Caldeirão da Santa Cruz do Deserto” e os 30 anos de “Corisco e Dadá”, comemorados em 2016, partes de uma filmografia essencial que reflete a cultura nordestina e enaltece a produção audiovisual cearense.

Eduardo Sousa com informações da Aceccine

Recomendado para você