Entre Aspas

[Cinema Chileno] Exibições do 27° Cine Ceará começam nesta terça-feira (1°)

Diretor Alejandro Jodorowsky

Com abertura oficial no dia 5 de agosto, o festival inicia as exibições nesta terça-feira, dia 1º, na Mostra de Cinema Chileno

Um dos eventos de cinema/audiovisual mais aguardado de Fortaleza está chegando. É o Cine Ceará – Festival Ibero-americano de Cinema, que chega a sua 27ª edição, com abertura oficial no dia 5 de agosto no Cineteatro São Luiz, onde acontece até o dia 11. As exibições já começam nesta terça-feira, com a Mostra de Cinema Chileno, que será de 1º a 6 na CAIXA Cultural Fortaleza. Ao longo de toda esta edição, serão mais de 90 filmes entre curtas e longas, projetados também no Cinema do Dragão e na Praça do Ferreira. No dia 4, sexta-feira, os ingressos para a abertura oficial serão distribuídos a partir das 14h, na Bilheteria do Cineteatro São Luiz. Lembrando que a programação é totalmente gratuita.

Nesta edição, sete longas concorrem ao troféu Mucuripe. O premiado chileno “Uma Mulher Fantástica”, de Sebástian Lelio, será o filme de abertura. No domingo, 6, acontece a première mundial de “Malasartes e o Duelo com a Morte”, longa brasileiro com o maior número de efeitos especiais do país, cuja exibição contará com a presença do diretor Paulo Morelli e do protagonista Jesuíta Barbosa. Também no dia 6, no Cineteatro São Luiz, o Cine Ceará presta homenagem ao cineasta e diretor de fotografia Walter Carvalho. Na segunda-feira, 7, será exibido o argentino “Ninguém está Olhando”, de Julia Solomonoff.

Já na terça-feira, dia 8, a produção cubana-francesa “Santa e Andrés”, de Carlos Lechuga, que venceu 11 prêmios em festivais internacionais, terá sua première no Brasil. Na quarta-feira, 9, a competição contará com dois longas, o brasileiro “Pedro sob a Cama”, de Paulo Pons, com a presença do ator Fernando Alves Pinto, e a produção “O homem que cuida”, de Alejandro Andújar. No dia 10, quinta-feira, será exibido “Últimos dias em Havana”, de Fernando Pérez, um dos grandes destaques da Berlinale deste ano e premiado melhor filme latino-americano no Festival de Málaga.

Os filmes serão distribuídos nas seguintes mostras: Mostra Competitiva Ibero-americana de Longa-metragem, Mostra Competitiva Brasileira de Curta-metragem, Mostra de Cinema Chileno, Olhar do Ceará, mostras sociais Melhor Idade, Acessibilidade e O Primeiro Filme a Gente Nunca Esquece e Cinema na Praça. Também haverão exibições expecias, entre elas, o tão esperado longa “Corpo Elétrico”, de Marcelo Caetano, no dia 6, seguida de debate com o diretor, e “O Caminho das Hortências”, de Ronaldo Nunes, no dia 8, ambas no Cinema do Dragão. Os curtas também vão marcar presença. Na Mostra Competitiva Brasileira de Curta-metragem, estão 14 produções, com destaque para “Vênus – Filó a fadinha Lésbica”, de Sávio Leite, e “Mehr Licht!”, de Mariana Kaufman Na Mostra Olhar do Ceará participam 23 curtas.

Este ano o Chile é o país homenageado com a Mostra de Cinema Chileno, que apresentará 16 longas e um curta. A mostra exibirá importantes obras do cinema chileno como “A montanha sagrada”, de Alejandro Jodorowsky, “De quinta a domingo”, de Dominga Sotomayor, “Como me dá na telha II”, de Ignacio Agüero, além de “Gloria”, de Sebastián Lelio.

Na competitiva de longa-metragem serão agraciados com o troféu Mucuripe os vencedores nas categorias Melhor Filme, Direção, Fotografia, Edição, Roteiro, Som, Trilha Sonora Original, Direção de Arte, Ator e Atriz dos longas. Concorrem ao troféu Mucuripe na competitiva de curtas os eleitos pelo júri nas categorias de Melhor Curta-metragem, Direção, Roteiro e Produção Cearense. Convidado do festival, o jornalista Rodrigo Fonseca assina a curadoria dos longas junto a Margarita Hernández, coordenadora geral do Cine Ceará, e Wolney Oliveira, diretor do festival. Na curadoria dos curtas estão a professora e cineasta Beatriz Furtado e o cineasta e programador de cinema Salomão Santana.

Apresentado por BNDES e Enel, o 27° Cine Ceará acontece de 5 a 11 de agosto, numa promoção da Universidade Federal do Ceará (UFC), através da Casa Amarela Eusélio Oliveira, com apoio do Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura, da Prefeitura Municipal de Fortaleza, via Secultfor, e do Ministério da Cultura, através da Secretaria do Audiovisual. A realização é da Associação Cultural Cine Ceará, Bucanero Filmes e OUTLED, conta com patrocínio vip da SP Combustíveis e M. Dias Branco, patrocínio da Oi e BNB. Apoio cultural: Oi Futuro, Indaiá e Unifor e parceria: Sebrae-CE.

SERVIÇO
27° Cine Ceará – Festival Ibero-Americano de Cinema – De 05 a 11 de agosto de 2017 em Fortaleza.
Cineteatro São Luiz (Praça do Ferreira, s/n – Centro); Cinema do Dragão – Sala 2 (Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura); Hotel Oásis Atlântico (Av. Beira Mar, 2500 – Meireles), Acesso gratuito mediante ingressos com distribuição no local. Mais informações: www.cineceara.com. Facebook: Festival Cine Ceará. Instagram: @cineceara. Twitter: @festcineceara. E-mail: contatos@cineceara.com. Tel: (85)3055-3465.

Distribuição de convites e ingressos:
PARA A ABERTURA (dia 5): Dia 4, a partir das 14 horas, na Bilheteria do Cineteatro São Luiz.
PARA O ENCERRAMENTO (dia 11): Dia 10, a partir das 14 horas, na Bilheteria do Cineteatro São Luiz
PARA AS MOSTRAS: Na CAIXA Cultural Fortaleza: a partir de 1 hora antes do início da sessão, na Bilheteria; No Cineteatro São Luiz: a partir de 1 hora antes do início da sessão, na Bilheteria; No Cinema do Dragão: a partir das 14 horas, na Bilheteria.
 

 

 

 

Texto: Eduardo Sousa com informações da assessoria | Fotos: Divulgação

Recomendado para você