Entre Aspas

[FORMAÇÃO ARTÍSTICA] Escola Porto Iracema das Artes comemora 4 anos de atuação

“Orquestra Popular do Nordeste Foto: Alex Hermes

No próximo dia 29, data do aniversário, a programação de aniversário será encerrada com o show de Daniel Peixoto, Sila C.R.V.S A.O.A, Orquestra Popular do Nordeste e Ode ao Mar Atlântico. Escola oferece cursos, oficinas e masterclasses gratuitos ao longo de todo o ano

A escola Porto Iracema das Artes atua há quatro anos como escola de criação e formação do Ceará, e nesta terça-feira (29) comemora o seu quatro aniversário com um grande show dos projetos selecionados para a edição 2017 do Laboratório de Música da escola. O cantor Daniel Peixoto, o projeto Sila C.r.v.s A.O.A, a Orquestra Popular do Nordeste e os artistas do Ode ao Mar Atlântico fazem um show gratuito no pátio do Porto, a partir das 19h. O acesso é gratuito e aberto ao público.

Este ano, o conceito de utopias perpassa por todas as atividades da escola, como um motor da “exploração de novas possibilidades e vontades humanas”.  Bete Jaguaribe, diretora do Porto Iracema das Artes, acentua a importância do debate em torno da ideia de utopias como temática norteadora das programações deste ano. “O campo das artes é o mais tensionado nestes momentos de incertezas. Devemos aproveitar o momento para refletirmos sobre o país, sobre nossas possibilidades de criação e de enfrentamento. As experiências do sensível podem favorecer estes processos”, observa a diretora, convocando a todos para participar do show de aniversário.

“Ode ao Mar Atlântico” Foto: Alex Hermes

Inaugurado em 29 de agosto de 2013, o Porto Iracema é uma escola de artes do Governo do Estado do Ceará, ligada à Secretaria da Cultura, com gestão do Instituto Dragão do Mar (IDM) . Além de formar profissionais críticos que atuem no campo das artes em suas diversas linguagens, a escola também se diferencia pelos processos formativos. O jornalista e antropólogo Paulo Linhares, presidente do IDM, destaca que o Porto tem desenvolvido uma articulação entre os processos formativos e as trajetórias artísticas.

“Essa é a questão fundamental de uma política de arte: de que maneira, dentro das linguagens, desenvolver trajetórias artísticas de alta performance. Como conseguir que artistas tenham uma produção de qualidade e, ao mesmo tempo, atinjam um nível de sustentabilidade para a vida”, explica Linhares. “Então, a ideia de desenhar uma articulação entre as trajetórias e a formação desses artistas e definir, enxergar os vazios, as impossibilidades que as universidades, por exemplo, não oferecem, é que é a tarefa do Porto Iracema”.

“Iracema Som Sistema” Foto: Allan Diniz

SHOW DE ANIVERSÁRIO
Um grande show com os projetos selecionados para o Laboratório de Música deste ano vai encerrar as comemorações de agosto. As apresentações iniciam a partir das 19 horas de hoje (29/08). O performer Daniel Peixoto divide o palco com os multi-instrumentistas Ivan Timbó e Paulo T.

Eric Barbosa, Eduardo Escarpinelli e Eden Barbosa, do projeto Ode ao Mar Atlântico, fazem experimentações sonoras com o uso de várias formas, como canção, rock e matrizes rítmicas africanas. Já a Orquestra Popular do Nordeste, liderada por Giltácio Santos (clarinetista) e Pedro Madeira (cordas), mostrará arranjos para obras de compositores cearenses, que formam a base de sua pesquisa do choro e outros formatos.

Em Sila Crvs A.O.A., Alvaro Ximenes, Issac Omar e Gabriel Ramos fazem um som a partir de sua pesquisa em torno do theremin (instrumento russo criado nos anos 30) e programações eletrônicas. Além da programação musical, a terça-feira do dia 29 de agosto terá, ainda, muito movimento. Os alunos do Curso Técnico em Dança se juntam aos artistas do Laboratório para embalar o público que for conferir a programação com dança de salão, na Ação Dança de Dois, e numa jam session ao som do projeto Sila Crvs A.O.A, a partir das 21h.

“Sila Crvs A.O.A” Foto: Alex Hermes

NÚMEROS
O Porto Iracema das Artes chega aos quatro anos com muitos motivos para comemorar. Até este ano, cerca de 30 mil pessoas passaram pela escola apenas por meio das diversas atividades promovidas pelos Laboratórios de Criação. Só artistas foram 239 envolvidos, com 106 projetos selecionados nas Artes Visuais, Audiovisual, Dança, Música e Teatro. As pesquisas foram acompanhadas por grandes nomes do País de cada uma dessas linguagens artísticas, escolhidos como tutores pelos próprios alunos.

No Programa de Formação Básica, desde a data de inauguração até hoje, foram 7.645 matrículas em 395 cursos ofertados. O Curso Técnico em Dança, que existe desde 2005 e passou a integrar a escola a partir de seu lançamento, formou cerca de 200 profissionais de nível técnico nestes quatro anos. E só de 2016 até este agora, 364 pessoas das mais diversas partes da Cidade puderam fazer oficinas ofertadas pelo CTD.

Já o Curso Técnico de Computação Gráfica, que tem duração de dois anos, procura aproximar a linguagem dos games com as linguagens artísticas da escola, trazendo as discussões e poéticas para o universo digital. O curso realiza oficinas, encontros e eventos na cultura dos games, impactando cerca de 3.000 pessoas por ano, com atividades gratuitas, fomentando a cadeia produtiva dos jogos eletrônicos e aproximando os ativistas da região.

SERVIÇO
Show de aniversário Porto 4 anos
Onde: Escola Porto Iracema das Artes (Rua Dragão do Mar, 160, Praia de Iracema)
Quando: Dia 29 de agosto, a partir das 19h
Gratuito e aberto ao público

 

 

 

 

 

Texto: Eduardo Sousa com informações da assessoria | Fotos: Allan Diniz e Alex Hermes

Recomendado para você