Entre Aspas

[26º FNT de Guaramiranga] Divulgados os espetáculos selecionados para a Mostra Nordeste

Companhias de cinco estados vão compor a Mostra Nordeste do 26º Festival Nordestino de Teatro de Guaramiranga (FNT), que acontecerá de 03 a 07 de setembro de 2019. Dentre os selecionados está o cearense Grupo Bagaceira de Teatro, com a espetáculo “O Sr. Ventilador”. Também foram escolhidos pela curadoria: Clowns de Shakespeare (RN) com “Abrazo”; Grupo Magiluth (PE) com “Dinamarca”; Pequena Companhia de Teatro (MA), com a montagem “Ensaio sobre a memória”; e grupo Vilavox (BA), com o solo “Medeia Negra”.

Ao longo de toda a sua história, o FNT estruturou-se e tornou-se reconhecido pela valorização da produção teatral nordestina em toda a sua diversidade. O 26º FNT dá continuidade ao processo iniciado na edição anterior na Mostra Nordeste, de fortalecimento dos aspectos estéticos, artísticos, poéticos e ético-políticos de sua trajetória, ressaltando a vocação do Festival para o hibridismo, para a quebra de “fronteiras” entre linguagens e para o diálogo com a pluralidade.

Na edição de 2019, soma-se a esse discurso uma homenagem aos trabalhadores da arte, por meio da apresentação de obras que reúnam no processo e na cena, o valor, a beleza do trabalho; o papel social e ético-estético dos ofícios do campo das artes da cena. A seleção foi resultado de um processo misto de chamada pública para recebimento de propostas e curadoria.

Confira abaixo as sinopses dos cinco espetáculos da Mostra Nordeste

Foto: Rafael Telles

Grupo de Teatro Clowns de Shakespeare (RN)
Espetáculo: ABRAZO
Segunda parte da trilogia que compõe o projeto de pesquisa latino(-)americano, Abrazo é uma obra voltada para o público infanto-juvenil, que pode ser assistido por crianças e adultos de todas as idades. Num lugar em que não é permitido abraçar, personagens atravessam um quadrado contando histórias de encontros, despedidas, opressão, exílio e, porque não, de afeto e liberdade. O espetáculo feito sem a palavra oral, conta com uma trilha sonora especialmente composta para a cena e com o vídeo de animação para narrar essa aventura inspirada em “O Livro dos Abraços”, deEduardo Galeano.

Foto: Divulgação

VILAVOX (BA)
Espetáculo: MEDEIA NEGRA
O espetáculo solo traz à cena a invisibilidade e exclusão da mulher negra na estrutura social, que privilegia e mantém o poder em determinada classe e gênero. A peça aborda questões fundamentais do universo feminino como maternidade, solidão, identidade, amor, racismo, identidade de gênero, aborto e religião. A plateia, a partir da sua disposição espacial, é colocada frente a frente para se ver diante de questões como gênero, raça e classe. Ao longo da encenação a personagem compartilha suas reflexões sobre passado, presente e futuro junto ao público. O mesmo mito contado agora a partir de um olhar feminino e negro, carregado de um canto forte e rasgado, inspirado no jazz, blues, hip hop e acalantos africanos que propõem esteticamente um caminho atemporal para o grito de Medeia.

Foto: Tatiana Amorim

Grupo Bagaceira de Teatro (CE) Espetáculo: SR. VENTILADOR
A relação de um chefe de um escritório e o seu principal funcionário: o senhor ventilador. Aqui, os objetos ganham vida a partir da manipulação dos atores Yuri Yamamoto e Ricardo Tabosa. O espetáculo é apresentado pela primeira vez no 7º TIC e soma-se ao repertório de teatro para crianças do Grupo Bagaceira de Teatro.

Foto: Danilo Galvão

GRUPO MAGILUTH (PE)
Espetáculo: DINAMARCA 
Vocês estão preparados para viver um momento Hygge? É algo muito simples! Como a vida que levamos… Todos estão simplesmente continuando. Reunidos à mesa, celebram os tempos. E que bom que estamos vivendo o melhor momento dos nossos tempos, dos novos tempos. Poderíamos falar sobre política, mas não! Falaremos sobre coisas simples como como um beijo que devora, uma morte, um golpe de sorte. Pois essas coisas acontecem o tempo todo. Todo instante. Mas vivam esse momento Hygge! Bem-vindos a Dinamarca.

Foto: Divulgação

Pequena Companhia de Teatro (MA)
Espetáculo: ENSAIO SOBRE A MEMÓRIA 
Ensaio sobre a memória é um espetáculo com dramaturgia e encenação de Marcelo Flecha, a partir do conto “A Outra Morte” de Jorge Luís Borges. No elenco, Tássia Dur, Cláudio Marconcine, Lauande Aires e Kátia Lopes. O espetáculo estreou em maio de 2019, na sede da Pequena Companhia. Na sua temporada de estreia, com dez (10)
sessões, teve grande repercussão e sucesso de público.

Texto: Eduardo Sousa com informações da assessoria | Imagens: Divulgação

Recomendado para você