Éshow!

Ta pensando em mudar a cor do carro?

 

carros-2016

Durante anos só se vendeu no Brasil carro preto ou prata. Era surrealista ver nas ruas aquele mar de automóveis sob a ditadura do PP. Mas, moda não tem explicação e acaba se ouvindo ser “mais fácil ao vender como usado…”.

Ainda bem que o branco começou a emplacar recentemente. E tem até gente se lembrando da beleza de cores como o vinho, azul marinho, verde garrafa e outras.

No Brasil, país tropical, é mais complicado ainda explicar a preferência pela cor preta, pois é a que mais “esquenta” o interior do carro, e obriga o motorista a ligar o ar condicionado. E ainda provoca um aumento no consumo de combustível.

Como as cores influem na temperatura interna do automóvel? Quanto mais clara, mais reflete os raios solares, quanto mais escura, mais os absorve. Para comprovar esta diferença, procure num estacionamento a céu aberto dois carros próximos, um branco, outro preto, que já tenham ficado algumas horas expostos ao sol. Coloque a mão no teto de ambos: o preto está muito mais aquecido. Este aquecimento chega ao interior do carro e pesquisas revelaram que a diferença nas cabines dos carros preto e branco sob o sol chega perto dos 10º C.

Além da cor, o tipo de pintura também influi na absorção dos raios solares. Pinturas especiais também tem características diversas: enquanto a metálica reflete os raios e evita (ou atenua) o aquecimento interno do automóvel, a perolizada tem a propriedade de absorvê-los e aquecer mais o habitáculo. Resumo da ópera: o carro que menos se aquece é o branco metálico. O que mais “torra os miolos” é o preto perolizado.

Vejas os modelos mais aguardados deste ano de 2016.

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=B1jzNV3XIqY[/youtube]

Recomendado para você