Éshow!

Crianças de instituiçõe sociais de Fortaleza visitam CidadeColorir- Turma da Mônica com a presença Vip da Miss Portugal Baby, SOPHIA FERREIRA ELDO.

Crianças de instituiçõe sociais de Fortaleza visitam CidadeColorir- Turma da Mônica com a presença Vip da Miss Portugal Baby, SOPHIA FERREIRA ELDO.

A atração infantil CidadeColorir -Turma da Mônica, que está no RioMar Fortaleza garantindo a diversão no período das férias, recebeu cerca de 60 crianças das instituições sociais Associação Peter Pan, Fortaleza Azul e Associação Cearense de Distrofias Musculares – ACDM, nos dias 26 e 29 de julho. O último encontro, realizado na segunda-feira, contou ainda com as participações de Sophia Ferreira Eldo, Miss Portugal Baby 2019, e Samantha Era, influencer digital, que puderam conhecer de perto as histórias das crianças e famílias que enfrentam o diagnóstico de Distrofia Muscular.

A iniciativa buscou proporcionar uma atividade divertida e inclusiva para os pequenos participantes, que puderam misturar tintas e descobrir novas cores ao colorir Limoeiro, o bairro onde acontecem as aventuras da Turma da Mônica, criada por Maurício de Sousa.

Cada passo importa
No encontro do dia 20 de julho, segunda-feira, foi possível conhecer mais sobre o personagem Edu, um menino de 9 anos que tem Distrofia Muscular de Duchenne, sendo o mais novo integrante da turma. O personagem foi lançado em março de 2019 e faz parte de um projeto editorial da Maurício de Sousa Produções com o laboratório Sarepta, chamado “Cada passo importa”, e que a partir de três histórias traz para discussão a importância do diagnóstico precoce dessa doença rara e degenerativa. Com mais essa iniciativa, o universo das histórias em quadrinhos mais conhecida do Brasil convoca a todos para a reflexão quanto à importância da diversidade e acessibilidade no dia a dia das famílias e das crianças.

Sobre as instituições:
Associação Peter Pan – Entidade civil sem fins lucrativos, reconhecida como centro de excelência e referência no tratamento do câncer em crianças e adolescentes. Realiza suas ações por meio de três desafiadoras diretrizes: Tratamento Especializado; Atendimento Humanizado; Diagnóstico Precoce.

Associação Fortaleza Azul – Também conhecida como FAZ, a iniciativa existe desde 2015 e tem o objetivo de reunir familiares de pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) para ações de conscientização, informação e inclusão desses indivíduos na sociedade. Atualmente, a entidade conta com mais de 300 famílias associadas.

Associação Cearense de Distrofias Musculares – ACDM é uma associação formada por pais, pacientes e amigos que procura orientar e conscientizar sobre a convivência com as distrofias musculares. Em particular à Distrofia Muscular de Duchenne (DMD), uma doença neuromuscular, degenerativa e progressiva que causa o enfraquecimento dos músculos começando pelos membros inferiores, devido à falta de distrofia, uma proteína que proporciona a estabilidade da membrana muscular.

Fotos Crédito: Fernando Neme