Esmaltes e Etc

O esmalte da “tragédia”

868 9

O título é um tanto quanto dramático, mas aconteceu uma pequena tragédia mesmo, pra quem como eu, é viciada em esmaltes. Usei o dito cujo e… Ah, Vamos ao post e no final vocês vão saber o que aconteceu (um pouco de suspense é bom, vai!).

Esse sem dúvida é um esmalte bem antigo (e claro, tá vencido, só pode). Comprei lá por 2010, quando chegou – e tinha – Fina Flor aqui em Fortaleza. Fiquei com vontade de esmalte cinza, e achei melhor usar esse mais velhinha e ainda na espera.

atenas1

atenas2

atenas3

Foram duas camadas e ao contrário do que eu pensava, cobriu bem! Lembro de ter tentado usá-lo logo que comprei e não ter gostado, mas acho que na época era mais ralo e não ficou tão bom. Ele tem um glow azul, em algumas fotos dá pra perceber de leve. Por cima, o meu indie feito com glitter comprado na KK, que já mostrei aqui sobre um laranjão.

atenas4

atenas5atenas6

Gostei muito dele em cima do cinza, já que ficou aquela “coisa”: preto, cinza, branco… O top coat que usei foi da Risqué, arrastou um pouco na cutícula, mas achei que deu pra disfarçar.

atenas7

atenas8

atenas11

atenas12

atenas9

E a tragédia? Aqui ó:

atenas10

É, acabou-se! O vidro estava em cima do meu gaveteiro e não sei o que foi, acabei derrubando e ele quebrou de um jeito que nem deu pra salvar nada em outro vidro. Já derrubei outros e não sei se a altura foi diferente ou os vidros mais resistentes, nada aconteceu, já com esse da Fina Flor…. Pena, mas fazer o que, acidentes acabam acontecendo, né?

Beijos,

Nalu