Estrela Polar

Grupo de direita afirma ter usado bots para fraudar nota de Star Wars – Os Últimos Jedi no Rotten Tomatoes

O filme Star Wars – Os Últimos Jedi, lançado neste mês de Dezembro de 2017, teve um incrível desempenho tanto comercial, quanto de crítica. Apesar do sucesso entre o público e entre os críticos, a nota do filme no Rotten Tomatoes, que mede a satisfação do público, chegou à nota 53%.

De acordo com o Huffington Post, um grupo político de direita é o culpado pela baixa nota. O grupo se nomeia “Down With Disney’s Treatment of Franchises and its Fanboys” (Em português, Abaixo a Disney e seu tratamento das franquias e dos fãs). Eles disseram que usaram um exército de bots para diminuir drasticamente a nota das resenhas.

O moderador do grupo disse que o filme possui uma ‘agenda feminista’, que inclui o personagem Poe (Oscar Isaac) como uma ‘vítima do movimento anti-mansplaining’, que de alguma forma o Episódio VIII ‘transforma’ Luke (Mark Hamill) em gay, e que existem muitos papéis femininos.

“Estou cansado de homens serem retratados como idiotas”, disse o moderador ao jornal. “Houve um tempo em que governamos a sociedade e eu quero ver isso de novo. É por isso que eu votei em favor de Donald Trump.”

VEJA TAMBÉM: Representatividade importa? O emponderamento dos personagens que representam minorias

Um representante do Rotten Tomatoes informou ao Huffington, que não viram nenhuma atividade incomum, mas tem “uma equipe de especialistas em segurança, rede, social, banco de dados monitorando”.

Star Wars – Episódio VIII: Os Últimos Jedi está em cartaz nos cinemas brasileiros. E, sim, existem muitas mulheres no elenco e em papéis incríveis, homens cometendo erros, outros sendo gênios. Se você não gosta de igualdade, você está no mundo errado. 🙂 Não dá pra usar Bots contra isso!

Recomendado para você